Trânsito

Detran divulga prazos finais para renovação de licenciamento anual de veículos

Datas variam de acordo com números finais das placas. Para as que terminam em 1 e 2, o prazo é até 30 de setembro

Mariana Machado
postado em 03/09/2020 11:11
 (foto: Detran / Divulgação)
(foto: Detran / Divulgação)

O Departamento de Trânsito (Detran-DF) publicou, no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta quinta-feira (3/9), o prazo para renovação de licenciamento anual de veículos. Donos de carros com placas de finais em 1 e 2 têm até 30 de setembro para cumprir as normas.

Para veículos com placas terminando em 3, 4 e 5, o prazo final de renovação é 30 de outubro; placas com finais 6, 7 e 8, até 30 de novembro; e com final 9 e 0, até 31 de dezembro.

Vale lembrar que o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) só será emitido ao proprietário que tiver quitado débitos referentes ao Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), eventuais multas de trânsito e ambientais, seguro obrigatório (DPVAT), além do próprio licenciamento anual de veículos automotores. O mesmo vale para o CRLV eletrônico.

Para condutores de veículos reboque, semi-reboque, ou automotor registrado no DF, será possível emitir o documento eletrônico diretamente no portal do Detran, a partir do quinto dia útil após quitação de débitos, caso a emissão não aconteça automaticamente.

Neste ano, em virtude das medidas adotadas para combate à pandemia causada pelo novo coronavírus, o Detran adotou alguns novos protocolos: Se o condutor não estiver portando o documento de 2019 e a verificação no sistema informatizada não for possível, o fiscal poderá liberar o veículo. Serão multados os condutores que estiverem sem o devido licenciamento de 2019 ou 2020, com débitos abertos ou vencidos.

Prazos de renovação

Placas com final 1 e 2 - prazo final até 30 de setembro;
Placas com final 3, 4 e 5 - prazo final até 30 de outubro.
Placas com final 6, 7 e 8 - prazo final até 30 de novembro.
Placas com final 9 e 0 - prazo final até 31 de dezembro.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação