Crime

Após discutir com mulher, taxista dá tiros próximo ao Aeroporto de Brasília

Ninguém ficou ferido. Aos policiais, o homem confessou ter efetuado os disparos. Com ele, os militares encontraram munições e carregador de arma de fogo

Darcianne Diogo
postado em 06/09/2020 15:25
 (foto: PMDF/Divulgação)
(foto: PMDF/Divulgação)

Um taxista de 45 anos foi preso pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) após efetuar dois disparos de arma de fogo, após discutir com a mulher dentro do carro. O caso ocorreu na noite deste sábado (5/9), próximo ao Aeroporto Internacional de Brasília.

Uma testemunha relatou aos policiais que o suspeito deu dois tiros. Ninguém, no entanto, ficou ferido. Durante a abordagem, os militares localizaram o taxista, que discutia com a mulher no interior do veículo. Em busca no carro, os policiais encontraram um carregador de arma de fogo com 14 munições, uma pistola calibre 380, outro carregador com 10 munições intactas e duas cápsulas de munição.

Questionado sobre o armamento, o acusado alegou que a arma era dele e confessou ter efetuado dois disparos. Contudo, o homem não apresentou autorização para o porte do armamento. A mulher, de 41 anos, informou que houve uma discussão entre o casal.

O suspeito foi preso por porte ilegal de arma de fogo. O casal foi encaminhado à 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) para o esclarecimento dos fatos.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação