Sistema prisional

Visitação na Papuda pode ser retomada na próxima semana

As visitas familiares a detentos do complexo penitenciário estão suspensas desde 11 de março, devido à pandemia de covid-19. A previsão é de que o serviço volte ao normal em 16 de setembro. Secretário de Administração Penitenciária, Agnaldo Novato Curado apresentou protocolo de retorno à Vara de Execuções Penais nesta quinta-feria (10/9)

Darcianne Diogo
postado em 10/09/2020 18:47
Documento diz que visitantes e detentos deverão manter distância de 2 metros e usar máscara de cor branca -  (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press -13/4/11 )
Documento diz que visitantes e detentos deverão manter distância de 2 metros e usar máscara de cor branca - (foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press -13/4/11 )

Nomeado nessa quarta-feira (9/9), o secretário de Administração Penitenciária (Seape), Agnaldo Novato Curado, apresentou, nesta quinta-feira (10/9), a proposta de retorno das visitas presenciais ao Complexo Penitenciário da Papuda. O documento, ao qual o Correio teve acesso em primeira mão, foi encaminhado à juíza titular da Vara de Execuções Penais (VEP), Leila Cury.

As visitas de familiares ao sistema prisional estão suspensas desde 11 de março, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. A previsão é de que o serviço volte ao normal na próxima quarta-feira (16/9). O retorno, no entanto, seguirá uma série de regras.

Será autorizada a retirada de senha de apenas um visitante por preso. Pessoas consideradas do grupo de risco — acima de 60 anos, menores de 12 anos, gestantes, lactantes, portadoras de comorbidades ou pessoas com sintomas de gripe — estão proibidas de entrarem nas unidades prisionais. Dentro do complexo, haverá a distância mínima de 1,5 metro entre detentos e de 2 metros entre presos e visitantes.

As visitas ocorrerão em blocos de horário: das 9h às 10h, das 11h às 12h, das 13h às 14h e das 15h às 16h. Será obrigatório o uso de máscara, de cor branca, pelo visitante e pelo detento.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação