Eixo capital

Ana Maria Campos
postado em 15/09/2020 22:12
 (crédito: Gomez)
(crédito: Gomez)

Empresários querem um deputado para chamar de seu

A Câmara Legislativa tem a bancada da terceirização de serviços, mas não tem um representante do empresariado que trabalha com independência em relação ao governo. O que esse grupo espera? Um deputado com afinidade com os interesses do setor, como agem os deputados das bancadas da bala, das igrejas, dos sindicatos de trabalhadores ou dos ruralistas. O debate está esquentando nos grupos de empresários. A intenção é financiar a campanha de um representante. O debate deve esquentar.

 

CPI do Nada

O deputado Reginaldo Veras (PDT) chamou de CPI do Nada a proposta de investigar denúncias de irregularidades na saúde a partir de janeiro de 2011, início do governo Agnelo Queiroz (PT). Abrir o leque de assuntos numa CPI significa não chegar a lugar nenhum.

 

Audiência

A segunda edição do Diário Oficial do DF, que sai geralmente no fim do dia, tem sempre uma supresa. É audiência certa.

 

Coisas da política

Coube justamente a um deputado do PSB, partido do ex-governador Rodrigo Rollemberg, a iniciativa de atrapalhar o andamento da CPI que era o trunfo da oposição para desgastar o governador Ibaneis Rocha (MDB). No PSB, só quem gostou foi o outro distrital do partido, José Gomes, que deu força para a CPI paralela de Saúde que tem como foco inclusive o governo Rollemberg.

 

Retrabalho

Retrabalho foi o termo utilizado pelo deputado Rodrigo Delmasso (Republicanos) para qualificar a CPI da Pandemia, cujo foco — a compra de testes para covid-19 — já está sob investigação pelos promotores do Gaeco, com denúncia ajuizada e prisão preventiva decretada pela Justiça.

 

Freio de arrumação

Com tanta confusão sobre CPIs, o presidente da Câmara Legislativa, Rafael Prudente (MDB), decidiu republicar no Diário da Câmara os requerimentos apresentados, para que os deputados decidam se vão ou não manter as assinaturas.

 

Feirão da Câmara

O debate ontem sobre a criação de uma CPI da Saúde virou uma feira. Os deputados falando ao mesmo tempo, o presidente da Câmara, Rafael Prudente, pedindo para que a oposição retome a votação dos itens da pauta. A deputada Arlete Sampaio pediu: “Não nos cale”.

 

Regras para lobby

O ex-secretário de Desenvolvimento Econômico do DF Ruy Coutinho agora é integrante do Conselho Superior da ABRIG (Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais). Segundo ele, sua principal missão será ajudar nas discussões para regulamentação do "lobby" no Brasil.

 

Só papos

“Já é a quarta denúncia da força-tarefa do MPF de Curitba contra Lula. Não dá nem mais para pedir música no Fantástico. Tem de pedir banho de sol”

Deputada distrital Júlia Lucy (Novo), sobre a nova denúncia da força-tarefa da Lava-Jato em Curitiba contra o ex-presidente Lula


“A Lava-Jato todo dia inventa uma mentira na expectativa de que algo cole contra o Lula... Essa gente ainda vai ser condenada por crime de lesa pátria. É apenas uma questão de tempo. O Ministério Público é uma instituição séria e não pode ser tomado por fedelhos messiânicos”

Ex-presidente Lula

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação