Pandemia

Covid-19: DF registra 17 vítimas nesta quarta-feira e atinge 3.148 mortes

A maioria das vítimas era do sexo feminino, com faixa etária de 50 a 59 anos, e apresentava comorbidades

Thais Umbelino
postado em 23/09/2020 19:25 / atualizado em 23/09/2020 19:33
Ceilândia lidera em número de casos da covid-19 -  (crédito: Minervino Júnior)
Ceilândia lidera em número de casos da covid-19 - (crédito: Minervino Júnior)

O Distrito Federal registrou, nesta quarta-feira (23/9), mais 705 casos de pessoas contaminadas pelo novo coronavírus, em 24 horas, e atingiu o total de 186.054 infectados — 174.838 (94%) recuperados e 8.068 com a doença ativa. O número de mortes também aumentou, com 3.148 registros. Apenas ontem, foram notificados mais 17 óbitos, entre 5 de agosto e 23 de setembro. A maioria das vítimas era do sexo feminino, com faixa etária de 50 a 59 anos, e apresentava comorbidades.

Ceilândia é a cidade com o maior número de casos; 22.713 pessoas infectadas e 572 vítimas. Taguatinga aparece em seguida, com 15.258 diagnósticos e 318 mortes, e depois o Plano Piloto — 14.683 casos e 213 óbitos. Do total de infectados, a maioria é do sexo feminino, com 53,9%, e possui entre 30 e 40 anos. A comorbidade que mais aparece é a de doenças cardíacas, seguida de distúrbios metabólicos.

Segundo Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde, a média de casos de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Distrito Federal segue em queda, comparada com o início da pandemia. “Devido às ações de investigação epidemiológica, a tendência de queda observada a partir da segunda quinzena de agosto pode sofrer alterações”, acrescentou a pasta.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação