Capital S/A

Se você ouve uma voz dentro de você dizendo ‘você não pode pintar’, então, pinte e essa voz será silenciada" Vincent Van Gogh, pintor holandês

Correio Braziliense
postado em 19/10/2020 00:02 / atualizado em 19/10/2020 00:02
 (crédito: Arquivo pessoal)
(crédito: Arquivo pessoal)

Unidos como irmãos e sócios

Eles mostram que é possível serem “brothers” nos negócios também. Rodrigo Freire e Felipe Aragão, conhecidos empresários da cidade na área de gastronomia, partiram para voos mais altos,agora, em São Paulo. Mas continuam com as raízes aqui na capital.

Eles fundaram a Latin América Re Broker de Resseguros, empresa independente que tem procurado soluções criativas em parceria com seguradoras e corretores de seguros de todo o Brasil. E já se destaca como a quinta do país no segmento. Entre os clientes, a companhia aérea Azul. Também cuidam de seguros de jogadores de futebol. É uma espécie de seguro do seguro.

“Para ter coragem de voar, é preciso ter passado pelo medo de cair. Importante ter visão e preparo para perceber as melhores oportunidades”, afirma Rodrigo.


Bolachas que valem ouro

A dupla João e Gustavo Marcondes também prova que tem sintonia comercial. Decidiram tornar uma paixão pela música, especialmente pelos discos de vinil, em empresa. Antes, vendiam os discos em feiras, mas há pouco menos de um ano abriram uma loja na 116 Sul, a Marcondes & Co.

“Existe um mercado muito forte no exterior, Japão, Europa e EUA. O vinil brasileiro, pela qualidade de sua música, é muito valorizado mundo afora”, conta João. A empresa está também exportando as “bolachas” recheadas de música.

“Ouvir um disco de vinil é uma reconexão com o emocional, com a afetividade”, diz João.
O acervo da loja conta com 5 mil discos para todos os gostos e bolsos.



Eventos de até 1 mil pessoas

A partir da próxima semana, eventos de 300 pessoas já poderão ser realizados. Em 17 de novembro, esse número poderá ser ampliado para 500 e, a partir de
8 de dezembro, até mil pessoas.

Os empresários do setor de eventos estão esperançosos que o calendário, previsto noDecreto 41. 214 do GDF, seja mantido. Isso significa retomada de festas de casamento, aniversários, entre outros eventos. Mas tudo desde que sejam cumpridos todos os protocolos.



Retomada superou Rio e SP

Índice de Atividades Turísticas do IBGE apontou forte reaquecimento do setor no DF, em agosto, a partir da retomada das atividades econômicas. Aumento de 25,6% acima da média nacional, 19,3%, Brasília superou São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Pernambuco.

“Nossas ações proporcionaram que a retomada fosse segura e organizada. Brasília está mais que preparada para receber novamente os turistas”, afirma a secretária de Turismo, Vanessa Mendonça.


Em giro

Movimento no aeroporto — O Aeroporto de Brasília fechou agosto com 401.316 passageiros, um crescimento 54,1% a mais do que em julho. Foi o 4º mês consecutivo em que o terminal registrou aumento na movimentação desde o início da pandemia.

Mais confiança do passageiro — Roberto Luiz, head de Negócios Aéreos da Inframerica, afirma que a confiança dos passageiros vem aumentando. “Fizemos diversas adequações no nosso terminal, assim como as companhias aéreas. O trabalho está sendo realizado com muita cautela para que as pessoas possam voar com mais tranquilidade”, diz.

Acordo comercial EUA-Brasil — Comitiva americana do governo e do setor privado estará em Brasília e São Paulo nesta semana. Na pauta, investimentos, segurança, comércio e covid-19. Oconselheiro de Segurança Nacional dos EUA, Robert O’Brien,participa de eventos na Fiesp e de reuniões com alto escalãodo governo brasileiro. Na comitiva, estão a presidente doBanco de Exportação e Importação dos Estados Unidos, Kimberly Reed, representantes USTR e da Corporação de Desenvolvimento Financeiro.

CasaPark Solidário — Amanhã, às 20h, a empresária Moema Leão e o médico oncologista Fernando Maluf, referência no tratamento de pacientes com câncer de mama, participam de uma live no Instagram do shopping CasaPark. O público poderá fazer doações pela ação para a Rede Feminina de Combate ao Câncer de Brasília (RFCC). É umdos eventos
do CasaPark Solidário.

 

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação