Morre, aos 37 anos, o jornalista Pedro Fistarol

Conhecido no meio cultural e gastronômico de Brasília, Pedro também trabalhou no gabinete da deputada distrital Júlia Lucy (Novo)

Washington Luiz
postado em 19/10/2020 16:18 / atualizado em 19/10/2020 16:19
Pedro Fistarol começou a trabalhar no Distrito Federal em 2006 -  (crédito: Reprodução )
Pedro Fistarol começou a trabalhar no Distrito Federal em 2006 - (crédito: Reprodução )

Morreu, nesta segunda-feira (19/10), o jornalista Pedro Fistarol, aos 37 anos. Natural de Ijuí, no Rio Grande do Sul, Pedro estava em Brasília desde 2006, onde atuou como assessor de imprensa de bares, restaurantes e eventos gastronômicos. Atualmente, ele trabalhava com a deputada distrital Júlia Lucy (Novo).

De acordo com informações de amigos, o jornalista estava de férias Ijuí. Durante visita a um colega, ele teria sofrido um acidente doméstico e caído do apartamento. 

Pedro morava na Asa Sul e, entre os conhecidos, era visto como um “verdadeiro agitador cultural, sincero e querido”. Em nota, Júlia Lucy lamentou a morte do assessor e afirmou que ele era seu “braço-direito, responsável por todos os meus compromissos de agenda. Mas, mais que do isso, ele cuidava de cada espaço da minha rotina com profissionalismo, competência e dedicação”.

O sepultamento do jornalista está previsto para às 18h desta segunda, em Ijuí (RS). Às 19h30, será celebrada uma missa em memória de Pedro na Paróquia do Santíssimo Sacramento, localizada na 606 sul.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação