Ressocialização

Primeira unidade socioeducativa para mulheres é inaugurada no DF

O espaço já está funcionando e fica localizado no Gama. Unidade tem capacidade para receber 52 jovens, de 12 a 21 anos. Objetivo é incentivar a ressocialização de mulheres

Júlia Eleutério*
postado em 29/10/2020 20:53
 Unidade oferece oficinas de música, palestras, atividades educacionais, xadrex, yoga, filmes e debates -  (crédito: Jhonatan Ribeiro/Sejus DF)
Unidade oferece oficinas de música, palestras, atividades educacionais, xadrex, yoga, filmes e debates - (crédito: Jhonatan Ribeiro/Sejus DF)

A primeira Unidade de Internação Socioeducativa Feminina do Distrito Federal foi oficialmente inaugurada nesta quinta-feira (29/10). O local está funcionando e tem como objetivo a realização de atividades para incentivar a ressocialização de mulheres. A Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) realizou a cerimônia durante as ações sociais do Outubro Rosa.

A Sejus informou que o espaço está localizado no Gama e tem capacidade para 52 jovens, de 12 a 21 anos. O lugar oferece oficinas de música, palestras, atividades educacionais, xadrex, yoga, filmes e debates.

Ainda segundo a secretaria, o ambiente é composto por quatro alojamentos, um módulo de escola, uma oficina e uma sala multiuso. Além disso, a unidade dispõe de um templo ecumênico, um ginásio, uma horta, área para convívio e espaço para visitas.

Titular da Sejus, Marcela Passamani discursou durante o evento inaugural. “Quando eu vejo vocês, meninas, me dá mais força de reafirmar o meu compromisso com cada uma de vocês, que é o de torná-las cada vez mais empoderadas, capacitadas e fortalecidas para acreditar em seu potencial pessoal. Por isso, nós priorizamos o investimento na ressocialização por meio de oficinas, feiras de livros e atividades de cidadania. No que depender de nós, vocês terão um futuro brilhante”, disse Passamani.

*Com informações da Sejus

*Estagiária sob supervisão de Guilherme Marinho

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação