espaço comunitário

Estrutural ganha um novo espaço de convivência

A ação é uma parceria entre a Secretaria de Segurança Pública e outros órgãos do GDF para levar segurança e qualidade de vida para os moradores da região.

Correio Braziliense
postado em 11/11/2020 16:32
 (crédito: SSP - DF)
(crédito: SSP - DF)

A comunidade da Estrutural ganhou um novo espaço de convivência no Setor Oeste da cidade. O local foi revitalizado e passou por pintura no estacionamento, instalação de conjunto de mesas e cadeiras, instalação de Ponto de Encontro Comunitário (PEC) e lavagem, além do plantio de palmeiras e arbustos. A escolha da Estrutural teve base em análises criminais feitas pela Subsecretaria de Gestão de Informação (SGI). O objetivo é que outros locais recebam a ação no próximo ano.

Além do espaço, os moradores da região ganharam uma horta comunitária no Centro de Referência e Assistência (Cras), que fica em frente ao ponto de convivência.

A inauguração ocorreu, na tarde da última terça-feira (10/11), e contou com apresentação de arte urbana e lançamento de campanha educativa relacionada ao descarte de lixo, essencial para a conclusão do trabalho de revitalização do ambiente, que foi iniciado há um mês.

Segundo o secretário de Segurança Pública Anderson Torres, o projeto tem o objetivo de levar mais segurança e qualidade de vida para a população local. “A iniciativa faz parte de um conjunto de ações integradas entre forças de segurança pública e outros órgãos do GDF para o enfrentamento qualificado da criminalidade na região da Estrutural”, completa.

A ação é coordenada pela Secretaria de Segurança Pública do DF e tem parceria da Polícia Militar, do Departamento de Trânsito (Detran-DF), da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), da Administração Regional da Estrutural, da Fundação de Amparo ao Trabalhador Preso (Funap), da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), da Companhia Energética de Brasília (CEB), do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e de voluntários locais.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação