Varjão

Varjão tem vias de acesso alteradas; saiba as mudanças

Avenida Principal passa a ter sentido único e será utilizada como entrada da cidade. Já a Rua de Saída levará os motoristas em direção à DF-005

Correio Braziliense
postado em 23/11/2020 15:23
 (crédito: Paulo H Carvalho/Agência Brasília)
(crédito: Paulo H Carvalho/Agência Brasília)

O trânsito da Avenida Principal, no Varjão, passou por alterações. As ruas principais da cidade agora passam a ser de mão única. A novidade inclui uma nova via de ligação, entre as quadras 2 e 4, para consolidar a Rua de Saída, prevista desde a criação da região.

De início, as ações estão focadas em organizar o fluxo, com campanhas educativas. "Contamos com o apoio do Detran e da PM para educar os motoristas", aponta o administrador do Varjão, Lúcio Rogério. Com 1,3 km de extensão, a Avenida Principal terá sentido único e mão única, assim como a Rua de Saída, que desemboca na DF-005.

A partir da nova via de ligação, os motoristas terão acessos separados para entrada e saída do Varjão; cada um desses acessos vai contar com duas faixas. "Já tivemos atropelamentos de pessoas e animais em razão da alta velocidade", conta o administrador da cidade. "A melhor maneira de minimizar os riscos de acidentes é diminuir a velocidade dos carros". Para tanto, foram instaladas lombadas ao longo de dez quilômetros nas quadras.

Custos e adequação

A obra teve investimento de R$ 202 mil. Desse total, R$ 170 mil foram para pavimentação e R$ 32 mil para os trabalhos de drenagem. Os gastos incluíram reparos em meios-fios e calçadas, além de recuos nas paradas de ônibus.

Equipes da administração da cidade trabalharam, nos últimos dias, na finalização das adequações da nova ligação nas redes de esgoto e de drenagem. A via vai melhorar as condições de tráfego da região, principalmente nos horários de pico, de acordo com o GDF. Foram instalados 15 quebra-molas entre as quadras pares de 2 a 10. A medida atendeu às solicitações da população, adequando as condições para o tráfego na Rua de Saída.

*Com normações do Segov

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE