Investigação

Polícia prende suspeito de matar mãe e filha em Planaltina

As duas mulheres foram encontradas mortas na manhã desta quinta-feira pela Polícia Militar do DF (PMDF), dentro de casa, com marcas de tiros. Caso é investigado como duplo feminicídio

Correio Braziliense
postado em 10/12/2020 15:24 / atualizado em 10/12/2020 15:29
 (crédito: Bruno Peres/CB/D.A Press - 24/7/11)
(crédito: Bruno Peres/CB/D.A Press - 24/7/11)

Policiais civis da 31ª Delegacia de Polícia (Planaltina) prenderam, no começo da tarde desta quinta-feira (10/12), o homem acusado de matar a tiros mãe e filha, no setor Arapoanga, em Planaltina. Segundo as investigações, o autor é ex-companheiro da vítima. O crime é apurado como duplo feminicídio. 

As duas mulheres, identificadas como Maria Madalena Cordeiro Neto, 60 anos, e Giane Cristina Alexandre, 36, foram encontradas mortas na manhã desta quinta-feira pela Polícia Militar do DF (PMDF), dentro de casa, com marcas de tiros. Investigações revelaram que as vítimas apresentavam marcas nos pulsos, como se tivessem sido amarradas.

Após diligências, policiais civis prenderam o autor do crime. Mais detalhes sobre o caso serão repassados ainda na tarde desta quinta-feira. 

Aguarde mais informações

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE