Restaurante Comunitário

Restaurantes comunitários voltam a funcionar na segunda (4)

Atendimento presencial seguirá protocolos de segurança contra a covid-19. Áreas para alimentação estavam fechadas desde março

Correio Braziliense
postado em 31/12/2020 17:05
 (crédito: Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press - 27/1/14)
(crédito: Paula Rafiza/Esp. CB/D.A Press - 27/1/14)

Os restaurantes comunitários do Distrito Federal vão voltar a servir refeições para consumo no local a partir da próxima segunda-feira (4). A reabertura será feita mediante o cumprimento de uma série de medidas de segurança para evitar a disseminação do coronavírus e, na última semana de 2020, as 14 unidades do DF finalizam os preparativos para garantir a segurança dos usuários e dos funcionários. De acordo com o GDF, os restaurantes comunitários garantem a alimentação diária de mais de 20 mil pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Desde 21 de março deste ano, a área para a alimentação dos restaurantes está fechada. O público pode apenas comprar marmitas nos locais. Antes limitadas a duas por pessoa, não há mais limite em relação à quantidade a ser adquirida, o que fez o número de refeições subir este ano, mesmo em cenário de pandemia. Em 2019, cerca de 21 mil refeições diárias foram servidas, número que ultrapassa os 23 mil em 2020.

Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), a pandemia exigiu investimentos em um novo modelo para dar continuidade aos atendimentos e o fornecimento das refeições aumentou.

O atendimento presencial seguirá todos os protocolos estabelecidos pelos órgãos de vigilância sanitária e saúde, respeitando o distanciamento, o uso do álcool gel e da máscara de proteção facial. Também serão feitas marcações no chão, para indicar a distância de dois metros que deve ser observada entre as pessoas, além do isolamento de bebedouros e do uso de viseiras faciais pelos funcionários.

Outras medidas de segurança adotadas pelos restaurantes para a reabertura incluem a fixação, nas mesas, de pedidos para que os usuários recoloquem as máscaras ao término das refeições, e o isolamento de assentos, para manter o distanciamento necessário. Desde março, porém, medidas de segurança estavam em vigor para a produção das marmitas.

O DF tem 14 Restaurantes Comunitários, distribuídos em Brazlândia, Ceilândia, Estrutural, Gama, Itapoã, Paranoá, Planaltina, Recanto das Emas, Riacho Fundo II, Samambaia, Santa Maria, São Sebastião, Sobradinho II e Sol Nascente.

Serviço

- Almoço: de segunda a sábado, das 11h às 14h.

- Café da manhã: de segunda a sábado, nas unidades do Paranoá (das 7h às 8:30h) e de Brazlândia (das 6:30h às 8:30h)

- Refeições servidas nos locais a partir de 4 de janeiro

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE