Eixo capital

Alexandre de Paula
postado em 04/01/2021 22:05
 (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press -  23/7/20)
(crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press - 23/7/20)

Taguatinga foi a RA com mais investimento
O Governo Distrito Federal (GDF) destinou R$ 15,4 milhões para cobrir despesas de Taguatinga em 2020. A região administrativa foi a que mais recebeu recursos para o fim no ano passado. Assim como em outras áreas, a maior parte dos valores (R$ 12,6 milhões) destinou-se a bancar gastos com pessoal. Na sequência, vêm Ceilândia, que contou com R$ 12,95 milhões; Gama, com R$ 11,36 milhões, e Águas Claras, com R$ 10,69 milhões. Os dados foram atualizados em 31 de dezembro e disponibilizados no sistema do governo local.

 


Tentativa de fraude
Um estelionatário tentou se passar pelo governador Ibaneis Rocha (MDB) nos últimos dias. Como em muitos golpes on-line, ele começou a fazer pedidos de transferências bancárias para contatos de Ibaneis. A diferença para as fraudes tradicionais é que, em vez de hackear o celular do emebedista, ele criou uma nova conta no WhatsApp com uma foto do político. O governador encaminhou uma mensagem alertando sobre a tentativa: “Um perfil falso foi criado com o meu nome. Estão remetendo mensagens e fazendo pedidos falsos. Recebendo-os, favor desconsiderar”, escreveu.

 

Social em destaque
Em mais de uma oportunidade, o governador Ibaneis Rocha (MDB) afirmou que 2021 será um ano complicado para a população mais carente do DF e que, por isso, a área social tornou-se prioridade. Nessa linha, a comunicação do governo tem dado destaque a projetos do setor, como o cartão Material Escolar, que oferece auxílio para que famílias carentes comprem artigos para as aulas. Neste ano, serão
R$ 31 milhões.

 

Acenos
Sem possibilidade de dar aumento para os servidores locais até o fim deste ano por determinação de lei aprovada em 2020, o GDF tem investido em outras formas de tentar agradar o funcionalismo público da capital. A principal aposta foi o plano de saúde voltados para quem trabalha para o governo. Aguardado por muitos anos, a iniciativa pegou bem e recebeu elogios. Ontem, foi liberada a adesão para todas as áreas.

 

Siga o dinheiro

R$ 4.490.640
Contrato firmado para auditoria que avaliará valores a ser pagos como indenização e apreciação do sistema operacional dos serviços de transporte público do DF

 

Testes
Realizada dias antes da Operação Falso Negativo, uma auditoria da Controladoria Geral do Distrito Federal (CGDF) detectou diversas irregularidades nas aquisições de testes pela Secretaria de Saúde, como também apontou a investigação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). A análise feita pelo governo foi concluída em novembro e ficou pública recentemente. “Os achados de auditoria indicam que a execução dos contratos relacionados não foi regular, ocorrendo falhas graves, como restrição à competitividade e seleção de propostas menos vantajosas para a Administração. Ainda que a finalidade pública da aquisição dos testes seja legítima, os processos de contratação foram eivados de irregularidades, muitas delas culminando em prejuízos ao erário”, diz trecho do relatório.

 

Transparência
O site da Câmara Legislativa divulgou, recentemente, um painel para acompanhar presenças e votações de parlamentares nas sessões da Casa. A ferramenta faz parte do novo Portal da Transparência, lançado pela Mesa Diretora no fim de 2020. É possível, agora, consultar, no detalhe, a atuação dos deputados. Há também a possibilidade de avaliar a quantidades de projetos aprovados e as leis sancionadas por deputado. Os recursos podem ser úteis para a fiscalização do trabalho legislativo e para balizar a escolha do eleitor no próximo pleito.

 

Só papos

“Bolsonaro se descuida e nega a vacina da covid ao povo brasileiro. Laboratórios privados estão importando vacina para vender a imunidade aos mais ricos”
Roberto Requião (MDB), ex-governador do Paraná

 

“O tratamento precoce salva vidas. A vacina emergencial (depois de certificada pela Anvisa), e não obrigatória, está a caminho”
Jair Bolsonaro (sem partido), presidente da República

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE