Crime

Dupla acusada de latrocínio contra vigilante de usina é presa

O crime aconteceu em 31 de dezembro, em uma usina de energia solar localizada em Ceilândia

Ana Maria da Silva
postado em 07/01/2021 10:14
Três homens invadiram uma usina de energia para roubar cabos e encontraram o vigilante armado -  (crédito: Rodrigo Antonelli/Esp. CB/D.A Press)
Três homens invadiram uma usina de energia para roubar cabos e encontraram o vigilante armado - (crédito: Rodrigo Antonelli/Esp. CB/D.A Press)

Na manhã desta quinta-feira (7/1), as equipes da 24ª DP da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) realizaram o cumprimento da mandados de prisão temporária contra dois homens acusados de crime de latrocínio contra um vigilante de uma usina de energia solar, localizada em Ceilândia.

O crime aconteceu em 31 de dezembro e, segundo a corporação, os dois homens, de 23 e 29 anos, invadiram o local juntamente com um terceiro indivíduo, ainda não identificado, para subtrair cabos de cobre. No momento, os criminosos surpreenderam um vigilante armado, de 63 anos, que entrou em luta corporal com os criminosos.

Um dos homens que portava um facão desferiu diversos golpes na cabeça da vítima. Um dos golpes, segundo a PCDF, atingiu um dos criminosos, provocando uma grave lesão em sua cabeça. Após o crime, o trio fugiu do local levando o revólver da vítima.

No dia 2 de janeiro, a vítima não resistiu aos ferimentos e foi a óbito no Hospital Regional de Ceilândia devido à gravidade das lesões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE