Segurança

Alvo de operação, ex-PM é preso por tráfico de drogas no DF

Investigadores da 19ª Delegacia de Polícia (P Norte) deflagraram, nesta terça-feira (23/3), a operação Fragmentados, que resultou na prisão de quatro pessoas. Um homem permanece foragido

Darcianne Diogo
postado em 23/03/2021 08:43 / atualizado em 23/03/2021 15:55
 (crédito: Divulgação/PCDF)
(crédito: Divulgação/PCDF)

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou, nesta terça-feira (23/3), a operação Fragmentado e prendeu quatro pessoas acusadas por tráfico de drogas em Ceilândia. Entre os detidos está um ex-policial militar do DF, de 35 anos, investigado por comandar o grupo e distribuir skunk na região. Um homem permanece foragido.

A investigação conduzida pela 19ª Delegacia de Polícia (P Norte) durou seis meses. No final de janeiro, policiais civis prenderam quatro pessoas. Em um dos mandados de busca e apreensão cumpridos no começo deste ano, os investigadores encontraram 6kg de skunk na residência do ex-policial militar.

A operação contou com três delegados e 47 agentes. Três pessoas foram presas em flagrante nesta terça-feira e o ex-PM foi detido em função de mandado de prisão preventiva. "Além das prisões, conseguimos apreender porções de maconha, de cocaína, balanças de precisão, dinheiro em espécie e material utilizado para embalar as drogas. Agora, as investigações seguem para localizar o último envolvido", detalhou o delegado-adjunto da 19ª DP, Thiago Peralva.

A PCDF pede para que, caso alguém saiba do paradeiro de Cleverson Lustosa Lopes, de 20 anos, ligue para o número 197, da Polícia Civil.

Cleverson Lustosa Lopes segue foragido
Cleverson Lustosa Lopes segue foragido (foto: Divulgação/PCDF)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE