SOCIAL

Casa da Mulher Brasileira reabre em Ceilândia

» Jéssica Gotlib
postado em 19/04/2021 22:32

A Casa da Mulher Brasileira, antes com sede na Asa Norte, volta a funcionar a partir de hoje em Ceilândia. Três anos após a interdição, pela Defesa Civil, da primeira sede, o espaço será reaberto às margens da Avenida Hélio Prates (CNM 01, Bloco I, lote 3).
De acordo com informações do Governo do Distrito Federal (GDF), a ideia é que o local preste todos os serviços previstos desde a formulação do projeto: triagem, acolhimento psicológico e escuta até um abrigo temporário para mulheres que não têm alternativas para se afastarem do agressor.
Neste primeiro momento, apenas a etapa inicial estará em funcionamento. Em um espaço composto por sala de eventos, auditório, brinquedoteca e refeitório, as vítimas poderão ter auxílio de uma equipe multiprofissionais. Agentes e assistentes sociais, pedagogos e psicólogos da Secretaria da Mulher devem estar disponíveis.
O GDF divulgou um escalonamento da inauguração dos demais serviços. Em maio, serão implementados o Núcleo de Assistência Jurídica de Defesa da Mulher, da Defensoria Pública; a Assessoria Técnica de Violência Doméstica, do Ministério Público; e o Centro Judiciário da Mulher, do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT).
Também no próximo mês, será aberto um espaço de “promoção da autonomia econômica”, onde serão oferecidos cursos e oficinas para todas as moradoras do DF. Por último, e ainda sem data definida para a inauguração, será aberta a Casa de Passagem, que deve abrigar as vítimas por até 48h, de onde serão encaminhadas para um local seguro.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE