EMPREGO

Oportunidade de qualificação

O governador Ibaneis Rocha (MDB) lançou, ontem, etapa do programa Renova-DF em Samambaia, região em que 500 pessoas serão beneficiadas. Selecionados farão cursos profissionais e receberão ajuda de custo

Rafaela Martins
postado em 08/06/2021 19:10
 (crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(crédito: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)

Desempregada há um ano e meio, Tânia Carvalho, 31 anos, é uma das beneficiadas do programa Renova-DF, que oferece cursos profissionais e auxílio para pessoas fora do mercado de trabalho. Moradora de Samambaia Norte, a mulher perdeu o emprego durante a pandemia, mas está animada para enriquecer o currículo. “Estou me virando, fazendo bicos e com o auxílio emergencial”, disse. Em 2019, ela trabalhava como operadora de caixa em supermercado.

O governador de Brasília Ibaneis Rocha (MDB) esteve no Estádio Rorizão, em Samambaia, ontem, para lançar o programa de inclusão social e profissional na região, onde 500 pessoas foram contempladas. Com a iniciativa, o Governo do Distrito Federal (GDF) planeja atender cerca de 3 mil brasilienses que estão em busca de qualificação profissional. Os estudantes selecionados que entregaram a documentação necessária estão prontos para começar. “Sabemos que muita gente ficou desempregada. O programa trará segurança alimentar”, destacou Ibaneis Rocha.

Morador de Santa Maria, Fábio Luciano, 41 anos, também encontrou no Renova-DF uma oportunidade de recomeçar. Ao procurar uma unidade da Agência do Trabalhador, o homem fez o cadastro e espera ingressar no mercado de trabalho o quanto antes. “O curso vai me ajudar a criar mais chances de arrumar trabalho”, contou. Assim como Fábio, 322 mil pessoas estão desempregadas na capital do país, segundo a Pesquisa de Emprego e Desemprego no Distrito Federal (PED-DF) realizada pela Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan).

Com objetivo de aquecer atividades trabalhistas, os inscritos no programa terão aulas práticas e teóricas com noções em seis profissões: carpinteiro, jardineiro, eletricista, encanador, serralheiro e pedreiro. Durante os três meses de cursos ofertados pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), os participantes receberão uma ajuda de custo no valor de um salário mínimo (R$ 1.100), além de auxílio-transporte e seguro contra acidentes pessoais. Porém só receberão o certificado de conclusão e os auxílios se obtiverem frequência de 80% ou mais.

Os alunos que tiverem acima desse percentual de presença poderão cursar, gratuitamente, qualquer outro curso de qualificação do Senai. Beneficiados analfabetos também terão gratuidade no curso de alfabetização. No evento, Ibaneis Rocha também confirmou que assinará hoje a ordem de serviço do Hospital Oncológico Jofran Frejat e assegurou a construção de um novo restaurante comunitário para alimentar a população de Samambaia.

Ceilândia
O Renova-DF chegou a Ceilândia na semama passada. Também foram beneficiados 500 moradores da região administrativa. Pessoas que estão no Cadastro Único ou em situação de vulnerabilidade social tiveram prioridade no cadastro.

O aprendizado ocorrerá em equipamentos públicos do DF para recuperar espaços, como praças, parques infantis, calçadas, jardins e paradas de ônibus. O inicío das atividades será em Ceilândia e Samambaia.

O programa é uma parceria da Secretaria de Trabalho; com a Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap); a Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb); a Companhia Energética de Brasília (CEB); o Serviço de Limpeza Urbana (SLU); e o Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF).

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE