Covid-19

Jovens com mais de 18 anos poderão se vacinar a partir de terça

Com a chegada de novos lotes, governador anunciou a ampliação da imunização entre jovens. Ele adiantou que o GDF vai preparar um cronograma de vacinação do público entre 12 e 17 anos sem comorbidades, mas dependerá do Ministério da Saúde

Ana Isabel Mansur
postado em 15/08/2021 06:00
 (crédito: Renato Alves/Agencia Brasilia)
(crédito: Renato Alves/Agencia Brasilia)

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), confirmou para terça-feira, 17 de agosto, o início da imunização dos jovens com 18 anos ou mais. A informação foi divulgada nas redes sociais pelo chefe do executivo na manhã de ontem. “Novidades na nossa vacinação avançada! Com a chegada de mais doses, vamos iniciar a vacinação contra a covid-19 para jovens de 18+ a partir de terça-feira. Preparem os braços!”, publicou.

Mais tarde, durante uma agenda na Colônia Agrícola do Lamarão, no Paranoá, o governador afirmou que o GDF também vacinará adolescentes sem comorbidades entre 12 e 17 anos. “Daí para frente, vamos fazer um cronograma de vacinação do público entre 12 e 17 anos sem comorbidades. Mas isso vai depender da chegada de novas doses de vacinas”, destacou chefe do executivo.

Perguntado sobre a antecipação da segunda dose das vacinas, o governador não descartou a possibilidade, apesar de o secretário-chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, ter afirmado, em entrevista ao Correio, na sexta-feira, que o GDF não pretende mais autorizar a antecipação.

Em nota, a Secretaria de Saúde do DF afirmou que recebeu 55.150 doses de CoronaVac, sendo metade para primeira dose (D1) e metade para a segunda (D2). A pasta também informou que chegaram 60.840 doses da Pfizer, todas destinadas para aplicação em primeira dose. Confira no quadro os postos onde a vacinação acontece hoje.

Hoje, a vacinação segue atendendo pessoas com 20 anos ou mais, além das que precisem tomar a segunda dose.

Onde vacinar hoje

Drive thru
9 às 17h
CPS do Jardim Botânico – atendimento para gestantes e puérperas


Drive thru
9 às 17h
Torre de TV


Pedestre
9 às 17h
UBS de Samambaia – atendimento para gestantes e puérperas


Drive thru
9 às 17h
Parque da Cidade
(estacionamento 12)


Drive thru
9 às 17h
Taguaparque


Drive thru
18 às 22h
Praça dos cristais


Drive thru
9 às 17h
Sesc Ceilândia


Drive thru
9 às 17h
Sesi Gama – atendimento para gestantes e puérperas


Drive thru
9 às 17h
UBS da Estrutural – atendimento para gestantes e puérperas


Drive thru
Uniplan Águas Claras – atendimento para gestantes e puérperas

Asfalto e ciclovia na área rural

A comunidade da Colônia Agrícola do Lamarão, no Paranoá, ganhou ontem mais 4,9km de rodovia asfaltada e 5,2km de ciclovia. O governador Ibaneis Rocha (MDB) entregou a pavimentação da via distrital VC-441, que liga o núcleo rural à DF-285, por meio do programa Caminho das Escolas. A iniciativa tem por objetivo asfaltar o percurso de todas as escolas rurais do Distrito Federal, e a comunidade contemplada da vez é a da Escola Classe Lamarão. “Existe um atraso aqui no DF muito grande em relação às comunidades rurais. Temos conseguido tirar muita coisa do papel e, hoje, em torno de 20 projetos do Caminho das Escolas estão sendo tocados pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal. Vamos entregá-los até o próximo ano”, afirmou Ibaneis Rocha.
A obra, que começou no segundo semestre do ano passado, custou R$ 4,7 milhões e foi construída por meio de emenda parlamentar do deputado distrital Reginaldo Sardinha (Avante). A execução ficou a cargo do DER, por meio de contrato com o Consórcio NG e Sigma. Josemar Correia de Sousa, presidente da Associação Comunitária da Colônia Agrícola Lamarão, comemorou a entrega. “Foram 40 anos de espera, luta e busca. A pavimentação vai acarretar muitas melhorias na saúde, educação e escoamento da produção agrícola. A nossa comunidade é uma das maiores produtoras de orgânicos do DF”, apontou o presidente.
A comunidade tem cerca de 600 moradores, como a professora aposentada Elsa Lopes Dias de Souza, 57 anos, que deu aulas na Escola Classe Lamarão por mais de 30 anos. “Moro aqui na região. É um sonho realizado, uma conquista, uma vitória esperada há muito tempo”, celebra a moradora. A amiga Sílvia Vieira de Souza, 70, concorda. “Para nós, é bom demais. Antes era estrada de chão, agora é asfalto”, comemora a dona de casa e moradora do núcleo. A população da Colônia Agrícola Lamarão não será a única beneficiada com a pavimentação. Cerca de mil pessoas da região serão contempladas pela pavimentação. Além dos produtores do PAD-DF, a via vai facilitar o tráfego para os motoristas que fazem o trajeto entre o Distrito Federal e Unaí (MG), além dos condutores da região administrativa de São Sebastião e de outras cidades mineiras, como Cabeceira Grande, Buriti de Minas e Palmital.
Antes da entrega da pavimentação da VC-441, o governador Ibaneis esteve na Igreja Presbiteriana Renovada, no Cruzeiro Novo, junto ao ex-ministro da Justiça e ex-Advogado-Geral da União, André Mendonça — indicado para ocupar a vaga do ministro Marco Aurélio Mello no Supremo Tribunal Federal (STF), que se aposentou em 12 de julho. O culto rendeu graças pelos 61 anos de Brasília e celebrou os 50 anos do Conselho de Pastores Evangélicos do DF (Copev). Chancerley de Melo Santana, coordenador do Copev, entregou uma medalha de bronze ao governador Ibaneis e ‘abençoou’ a ida de André Mendonça para o STF.

“Existe um atraso aqui no DF muito grande em relação às comunidades rurais. Temos conseguido tirar muita coisa do papel e hoje, em torno de 20 projetos do Caminho das Escolas estão sendo tocados pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal. Vamos entregá-los até o próximo ano”

Ibaneis Rocha, Governador de Brasília

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE