Desaparecido

Família busca morador do DF que saiu para trabalhar e desapareceu

Paulo Junior de Oliveira, 47 anos, reside em Brazlândia e saiu de casa para prestar um serviço como pedreiro em uma granja, em Goiás

Darcianne Diogo
postado em 07/09/2021 13:01 / atualizado em 07/09/2021 13:01
Segundo testemunhas, Paulo Junior de Oliveira Alves estava desorientado  -  (crédito: Arquivo Pessoal)
Segundo testemunhas, Paulo Junior de Oliveira Alves estava desorientado - (crédito: Arquivo Pessoal)

Uma família do Distrito Federal está à procura de um homem, 47 anos, que saiu de casa, em Brazlândia, para prestar um serviço como pedreiro em uma granja, em Abadiânia — distante cerca de 119km de Brasília.

Paulo Junior de Oliveira Alves saiu de casa há cerca de uma semana para trabalhar em Abadiânia. Na quarta-feira (1º/9), a família não teve mais notícias do trabalhador. “Ele saiu com o pessoal dessa granja para fazer o serviço de pedreiro. Eles disseram que estavam almoçando e ele (Paulo) estava um pouco desorientado e saiu em direção à mata”, disse a cunhada de Paulo, Anne Karoline.

Segundo a parente, Paulo chegou a ser visto por um chacareiro da área, mas desapareceu e os familiares não obtiveram mais informações. “Já fizemos buscas junto aos bombeiros pela região, mas não tivemos nenhum resultado. Estamos desesperados sem notícias”, afirmou a cunhada.

Paulo vestia uma blusa cinza e uma calça jeans. A família pede para que, caso alguém saiba do paradeiro do trabalhador, entre em contato pelos números: (61) 99635-2353 (Anne Karoline - cunhada); (61) 99640-0993 (Moisés - irmão).

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE