Solidariedade

PRF arrecada brinquedo para crianças com câncer; veja como ajudar

As doações serão recebidas até 15 de novembro nas unidades operacionais da Polícia Rodoviária Federal do DF

Correio Braziliense
postado em 06/11/2021 13:52
 (crédito: PRF/Divulgação)
(crédito: PRF/Divulgação)

A Polícia Rodoviária Federal do Distrito Federal (PRF) deu início, nesta sexta-feira (05), à campanha PRF contra o Câncer Infantil para arrecadar brinquedos. O ato é feito em parceria com a Associação Brasileira de Assistência às Famílias de Crianças Portadoras de Câncer e Hemopatias (Abrace). As doações devem ser feitas nas unidades operacionais da polícia até o dia 15 de novembro.

O objetivo da ação é levar um momento de alegria e uma imagem de força para as crianças que lutam contra a doença. A campanha PRF Contra o Câncer Infantil entregará os brinquedos para as crianças e adolescentes que estão em tratamento. Os policias, junto com a Abrace, farão a entrega das arrecadações nas casas das famílias assistidas pela associação.

Em nota, a PRF convida a sociedade do DF a apoiar com a doação de brinquedos. “Reforçamos que todos os brinquedos serão higienizados e embalados antes da entrega, reforçando o cuidado com as crianças e as família”, destaca o convite. Os brinquedos devem ser de materiais duráveis e que possam ser higienizados (sem tecidos ou pelúcias).

Pontos de doação:

- SIA TRECHO 02 LT 2005/2015 – Superintendência da Polícia Rodoviária Federal no DF
- BR 020 KM 37 - UOP/PRF de Planaltina-DF;
- BR 020 KM 174 - UOP/PRF de Alvorada do Norte-GO;
- BR 040 KM 01 - UOP/PRF de Santa Maria-DF;
- BR 040 KM 87 - UOP/PRF de Cristalina-GO;
- BR 060 KM 13 - UOP/PRF do Recanto das Emas-DF;
- BR 070 KM 16 - UOP/PRF de Ceilândia-DF;

Abrace

A Abrace surgiu em 1986, a partir de um grupo de pais, cujos filhos faziam tratamento de câncer no Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF). Eles se uniram para ajudar outras familias que passavam pelas mesmas dificuldades: além da doença, precariedade socioeconômica. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE