Solidariedade

Banco de Sangue de Brasília promove a campanha "Novembro Vem Doar"

Em comemoração ao Dia Nacional do Doador de Sangue, ação promove a importância da doação

Bruna Lessa*
postado em 18/11/2021 15:47
 (crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil)
(crédito: Rovena Rosa/Agência Brasil)

No dia 25 de novembro é comemorado o Dia Nacional do Doador de Sangue. Para celebrar a importância da doação, o Banco de Sangue de Brasília promove a campanha ‘Novembro Vem Doar’, que acontece até 30 de novembro, com o slogan “Compartilhe mais: Compartilhe vida, doe sangue”.

Pelas redes sociais, o Banco de Sangue de Brasília conscientiza a população, por meio de conteúdos interativos, sobre a importância do gesto da doação de sangue.

"O foco central da mensagem é o de que temos muito a compartilhar com as pessoas, muito mais do que coisas. A doação de sangue é uma forma de compartilhar vida e multiplicar momentos", explica Ana Luiza Araújo, coordenadora regional de captação do Banco de Sangue.

Para agradecer e até mesmo incentivar os doadores, o Banco de Sangue oferece um fone de ouvido como ‘mimo’ para os doadores. Ana Luiza ressalta que todos são convidados a compartilhar a ação em suas redes sociais com a hashtag #CompartilheMais.

Funcionamento

O Banco de Sangue de Brasília atende aos doadores diariamente, das 7h às 18h, inclusive aos domingos e feriados, na SGAS 915, Asa Sul, 2º subsolo do Centro Clínico Advance I (próximo ao DF Star).

A instituição informa que segue rigorosamente todos os protocolos de segurança contra a covid-19.

Requisitos básicos para doação de sangue:

- Apresentar um documento oficial com foto (RG, CNH, etc.) em bom estado de conservação;
- Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação seja realizada até os 60 anos (menores de idade precisam de autorização e presença dos pais no momento da doação);
- Não é permitido realizar doação acompanhado de menores de 12 anos (exceto se o menor estiver acompanhado de dois adultos, sendo necessário o revezamento dos mesmos enquanto acontece a doação);
- Estar em boas condições de saúde;
- Pesar no mínimo 50 kg;
- Não ter feito uso de bebida alcoólica nas últimas 12 horas;
- Após o almoço ou ingestão de alimentos gordurosos, aguardar três horas. Não é necessário estar em jejum;
- Se fez tatuagem e/ou piercing, aguardar 12 meses. Exceto para região genital e língua (12 meses após a retirada);
- Não ter diabetes em uso de insulina;
- Se passou por endoscopia ou procedimento endoscópico, aguardar seis meses;
- Não ter tido Doença de Chagas ou Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST);
- Candidatos que apresentaram sintomas de gripe e/ou resfriado devem aguardar 30 dias após cessarem os sintomas para realizar doação de sangue;
- Aguardar 48h para doar caso tenha tomado a vacina da gripe, desde que não esteja com nenhum sintoma;
Em caso de hipertensão, uso de medicamentos e cirurgias é preciso consultar a equipe.

Critérios específicos para a covid-19:

- Se teve contato com paciente positivo ou com suspeita de covid-19, aguardar 14 dias;
- Se contraiu covid-19, aguardar 30 dias;
- Aguardar 48h caso tenha tomado a vacina Coronavac/Sinovac e sete dias caso tenha tomado a Astrazeneca, Pfizer ou Janssen;
- Candidatos que viajaram para o exterior devem entrar em contato com o Banco de Sangue para entender o período que não pode doar (varia de país a país).

*Estagiária sob supervisão de Adson Boaventura

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE