Igreja Luterana

Culto de Primeiro Domingo de Advento da igreja Luterana será em alemão

A celebração está marcada para este domingo (28/11), às 18h

Renata Nagashima
postado em 28/11/2021 11:19 / atualizado em 28/11/2021 11:20
 (crédito: Minervino J?nior/CB/D.A Press)
(crédito: Minervino J?nior/CB/D.A Press)

O tempo de advento está se aproximando. Em comemoração, a Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de Brasília realiza, neste domingo (28/11), às 18h, o culto de Primeiro Domingo de Advento, em língua alemã. Presidido pelo pastor Carlos Möller. “Advento é um tempo de preparação, de meditação, onde devemos analisar a nossa vida e refletir principalmente sobre a nossa relação com o próximo e também com Deus”, afirma o pastor.

Möller, tem formação na Alemanha e foi intérprete do grupo de religiosos que recepcionou o Papa Bento XVI durante uma visita ao Brasil, em 2007, ministra a reunião em Brasília para atender a comunidade alemã que vive na capital. “Temos muitas famílias e pessoas pertencentes à embaixada da Alemanha que falam a língua. Para atendê-los, há anos fazemos esse culto em alemão”, explica. Na reunião, música de origem alemã e austriaco são tocadas para os cerca de 50 membros que participam do culto.

O religioso explica que o Advento significa vinda ou chegada, e para os luteranos representa a vinda de Cristo Jesus. “Advento é um tempo de alegria. E a razão dessa alegria é Cristo. Para nós cristãos, significa a época antes da vinda de Jesus Cristo, daquele que veio pobre e humilde para ensinar o amor, a paz, a esperança e a justiça às pessoas”, destaca.

Para participar do culto, que ocorrerá na EQS 405/406 - Área p/ Templo - Asa Sul, é necessário fazer inscrição por meio do link disponível no Instagram da Igreja Luterana em Brasília (@luteranaembrasilia).

Culto de Primeiro Domingo de Advento da igreja Luterana será em alemão
Culto de Primeiro Domingo de Advento da igreja Luterana será em alemão (foto: Divulgação/CECLB)

História

A Comunidade Evangélica de Confissão Luterana de Brasília completou 52 anos em abril. Quando foi formada na Entrequadras Sul 405/406, a cidade tinha apenas nove anos. Pouco mais de 15 famílias, a maioria vinda dos estados do Sul, participaram da fundação. Antes de o templo ficar pronto, em terreno destinado pela Novacap, numa área nobre do Plano Piloto, as famílias se reuniam nas casas umas das outras.

No Brasil, a direção da Igreja Luterana, fundada há 500 anos pelo monge alemão Martinho Lutero, sempre teve por base Porto Alegre. É em torno da capital gaúcha e arredores que se assentaram, desde 1824, os imigrantes alemães portadores da fé luterana, trazida com outras tradições. Quando Brasília começou a ser construída, na década de 1950, a cúpula eclesiástica no Sul logo percebeu a importância histórica do fato e desenvolveu a convicção de que a Igreja Luterana deveria estar presente na Nova Capital.

Em um ano, ficou pronto o templo que consta de sete grandes placas de concreto unidas num vértice formando um V invertido. Elas representam as sete igrejas do Apocalipse. O espaço recebe até 200 pessoas, e fica pequeno nas celebrações, como no dia da inauguração, em 20 de abril de 1969, um bonito domingo de sol, que reuniu mais de 400 pessoas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE