Pandemia

DF não terá carnaval de rua em 2022, diz Ibaneis Rocha

Segundo o governador Ibaneis Rocha (MDB) informou ao Correio, um decreto está sendo preparado para proibir as festas públicas. Secretário de Cultura afirmou que festas privadas também sofrerão alterações pelo decreto

Samara Schwingel
postado em 06/01/2022 09:32 / atualizado em 06/01/2022 16:04
 (crédito: Renato Alves/ Agência Brasilia)
(crédito: Renato Alves/ Agência Brasilia)

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), informou ao Correio, na manhã desta quinta-feira (6/1), que o DF não terá carnaval em 2022. Segundo o chefe do Executivo local, um decreto está sendo preparado sobre o assunto.

Ibaneis não deu uma data para a publicação do decreto no Diário Oficial do DF (DODF), mas disse que isso deve ser feito durante as férias dele, de 7 a 22 de janeiro. "Vai ficar para o Paco (Vice-governador)", informou.

O secretário de Cultura, Bartolomeu Rodrigues, informou à reportagem que as festas privadas de carnaval também sofrerão alterações pelo decreto. 

Segundo informações divulgadas pelo GDF, todos os tipos de eventos serão cancelados. Veja a nota na íntegra:

"O carnaval do Distrito Federal está cancelado. Seguindo a recomendação de médicos e infectologistas, todas as manifestações carnavalescas em 2022 no DF estão suspensas.
O recrudescimento da infecção pelo vírus covid-19, agregado à nova variante da influenza, recomendam cautela e o GDF decidiu cancelar desfiles, bailes e todo tipo de manifestação que provoque aglomeração, para a redução dos riscos de contágio.

O GDF recomenda que a população mantenha a vacinação em dia, seguindo o protocolo definido pelas autoridades e que procure se proteger seguindo as recomendações de prevenção, especialmente mantendo a higiene das mãos com água e sabão ou álcool 70°.
Mesmo com o alto índice de vacinação atingido pela população do Distrito Federal, o momento apresenta, como comprova a superlotação de clínicas e hospitais. A medida visa manter a segurança das pessoas em primeiro lugar."

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE