Trabalho

Procurando emprego? Há 113 oportunidades no DF nesta quinta (24/3)

Agências do Trabalhador oferecem 67 oportunidades para quem tenha ensino fundamental, 34 para nível médio e 12 para pessoas que cursaram nível superior

Correio Braziliense
postado em 24/03/2022 13:38
 (crédito: Ana Volpe/Agência Senado)
(crédito: Ana Volpe/Agência Senado)

Os brasilienses que estão em busca de emprego podem se animar. As Agências do Trabalhador oferecem,  nesta quinta-feira (24/3), 67 oportunidades para quem tenha ensino fundamental, 34 para pessoas com nível médio e 12 para pessoas que cursaram nível superior.

Entre as oportunidades para quem tem baixa escolaridade, a de preparador de tintas é a que oferece o melhor salário, no valor de R$ 3 mil. Há apenas uma vaga e não precisa de experiência para concorrer. Em seguida, poderão ser contratados mecânicos eletricista e de veículos, por R$ 2,5 mil. São duas vagas para cada uma dessas profissões e é preciso ter experiência na área.

Para quem tem nível médio, as duas vagas de gerente de restaurante são as que melhor pagam: R$ 3,1 mil. É preciso ter experiência para concorrer. Outras três oportunidades para a mesma profissão pagam R$ 2,5 mil. Os interessados podem cadastrar o currículo no aplicativo Sine Fácil ou procurar uma das 14 agências do trabalhador, de 8h às 17h, durante a semana.

Já as oportunidades de nível superior são para analista de contabilidade (1), analista de laboratório de controle de qualidade (1), analista de sistema (3), estatístico (1), médico do trabalho (1), farmacêutico (3) e gerente de empresas (2). Apenas estes dois últimos divulgaram os salários oferecidos, nos valores de R$ 1,4 mil e R$ 3,5 mil.

Empregadores que desejarem ofertar vagas ou, ainda, utilizar o espaço das agências do trabalhador para as entrevistas podem se cadastrar pessoalmente nas unidades e pelo aplicativo Sine Fácil.

Com informações da Agência Brasília

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE