Temer se reúne com empresários no DF

Correio Braziliense
postado em 01/04/2022 00:01
 (crédito: Kleber Lima/Sesc-DF)
(crédito: Kleber Lima/Sesc-DF)

O ex-presidente Michel Temer participou, ontem, de almoço em Brasília que reuniu mais de 100 empresários. O evento foi organizado pela Federação do Comércio, Turismo, Bens e Serviços do Distrito Federal (Fecomércio-DF). Temer pregou a pacificação no país. "O que precisamos é de maturidade política. E de um presidente que, quando for eleito, promova, no seu primeiro pronunciamento, um grande pacto nacional", destacou sob os aplausos dos presentes, entre eles, o presidente da Confederação Nacional do Comércio, José Roberto Tadros.

"Para combater o desemprego, precisamos de postos de trabalho. E são os empresários os maiores empregadores. Então, é preciso apoiá-los", afirmou Temer.

Reforma Trabalhista

O ex-presidente fez uma enfática defesa da Reforma Trabalhista como legado de sua gestão. "Quem diz que foram retirados direitos dos trabalhadores não leu a lei. Pelo contrário, eles foram garantidos e ainda criamos mais condições para aumentar a empregabilidade no país."

Defesa da democracia

Tadros também discursou e se referiu à Rússia. "Há uma guerra ocorrendo por causa de um ditador na Rússia. Já aqui, vivemos numa plena democracia e vamos seguir defendendo-a."

Retomada
pós-pandemia

O presidente da Fecomércio-DF, José Aparecido Freire, anfitrião do evento, reforçou, também, a importância da estabilidade política. "Os efeitos da pandemia foram muito desafiadores, e precisamos, agora, de um ambiente que nos permita a retomada do setor produtivo."

Cotait assume Confederação das Associações Comerciais

A diretoria da CACB para o triênio 2022-2024 tomou posse em cerimônia no Clube Naval. "Essa representação nos dá a legitimidade de sermos a voz do empreendedor no cenário político brasileiro", disse Alfredo Cotait Neto, que assumiu a presidência da entidade. Ele também é presidente da Fecomércio de São Paulo.

Campanha pelo Simples

A Confederação se comprometeu a buscar alternativas para melhorar o ambiente de negócios aos micro e pequenos empresários. O evento marcou o início de uma campanha pela atualização das tabelas do Simples Nacional.

Sobrevivência

"Essa é uma questão de sobrevivência e, por justiça, deveriam ser ajustadas anualmente, de acordo com a inflação acumulada no período", pontuou Cotait. Ele se referiu à campanha digital Mais Simples Nacional, Brasil Mais Forte.

Liderança do setor atacadista

A nova diretoria Sindiatacadista-DF, presidida pelo empresário Álvaro Silveira Júnior, também tomou posse nesta semana. A cerimônia aconteceu na sede do sindicato, em Águas Claras, com a presença de associados e autoridades públicas. Entre eles, o vice-governador do DF, Paco Britto; o conselheiro do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF) André Clemente; o presidente da Fecomércio-DF, José Aparecido Freire; e o presidente da Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad), Leonardo Miguel Severini.

Confiança

"Vamos continuar a luta em prol dos interesses das empresas atacadistas do DF, as maiores contribuintes e geradoras de emprego da nossa cidade. Agradeço a confiança dos atacadistas e me comprometo a honrar a escolha da categoria", afirmou Álvaro Silveira Jr.

  • Alfredo Cotait Neto, presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB)
    Alfredo Cotait Neto, presidente da Confederação das Associações Comerciais e Empresariais do Brasil (CACB) Foto: Divulgação
  • Lysipo Gomide (E), ex-presidente do Sindiatacadista-DF; Álvaro Silveira Jr, presidente empossado do Sindiatacadista-DF (D); e Leonardo Miguel Severini, presidente da Abad (centro)
    Lysipo Gomide (E), ex-presidente do Sindiatacadista-DF; Álvaro Silveira Jr, presidente empossado do Sindiatacadista-DF (D); e Leonardo Miguel Severini, presidente da Abad (centro) Foto: Divulgação
  • Evento da Fecomércio-DF com Michel Temer
    Evento da Fecomércio-DF com Michel Temer Foto: Kleber Lima/Sesc-DF

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE