PODER EXECUTIVO

UnB aguarda reforço no sistema de transporte

Júlia Eleutério
postado em 09/04/2022 00:01

Com a retomada das aulas presenciais na Universidade de Brasília (UnB), a instituição de ensino superior planeja ações para garantir a mobilidade dos estudantes e o monitoramento de casos da covid-19, pois, aproximadamente 70% dependem de transporte coletivo para ir às aulas. Em reunião com o governador Ibaneis Rocha (MDB) nesta semana, a reitora Márcia Abrahão pediu a ampliação das linhas de ônibus que circulam nos campi, a testagem da comunidade acadêmica para o vírus Sars-CoV-2 e a instalação de pontos de bicicletas compartilhadas. 

Ontem, em agenda oficial na Candangolândia, Ibaneis afirmou que a Secretaria de Transporte e Mobilidade avalia a solicitação. "Nosso secretário de Transporte e Mobilidade (Valter Casimiro) está analisando os melhores pontos para instalação (das estações de bicicletas) e deve levar para a UnB esse benefício à comunidade estudantil", declarou o governador. Além dos dois integrantes do Executivo local, o secretário de Saúde, Manoel Pafiadache, participou da reunião com a reitora.

A agenda do chefe do Palácio do Buriti incluiu a entrega das obras de revitalização do complexo esportivo da Praça dos Bosques e da entrada sul da Candangolândia. Nessa área, fica o primeiro ponto de táxi que atendeu a capital federal, projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer.

O espaço de lazer recém-inaugurado tem capacidade para receber, simultaneamente, 400 pessoas. A população da cidade é de cerca de 17 mil habitantes.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE