Empreendedorismo na veia

Correio Braziliense
postado em 21/04/2022 00:01

Brasília tem no DNA o empreendedorismo. Foi erguida graças a essa força propulsora que gerou milhares de oportunidades, onde era, há 62 anos, uma imensidão a ser desbravada. Cidade jovem em quem recai grande peso e responsabilidade por ser sede dos Três Poderes. E a saga continua diante de um grande desafio: a busca de um desenvolvimento econômico que consiga garantir às novas gerações emprego, renda e qualidade de vida. A mudança de matriz econômica se impõe urgente. A capacidade do setor público de "sustentar" a capital se esgota. E o caminho é fortalecer o empreendedorismo com inovação. Neste dia, lideranças empresariais da cidade manifestaram seu afeto pelo nosso quadradinho.

"É hora de Brasília se industrializar, de se tornar atrativa para uma indústria moderna, limpa, inovadora, que será capaz de gerar empregos e renda para uma população que já ultrapassa os 3 milhões de habitantes e que, cada vez, terá menos oportunidades de emprego na administração pública."

Jamal Bittar,

presidente da Fibra

"Brasília, a cidade que escolhi pra viver; aqui estudei, me formei, construí minha família e minha vida empresarial. Essa capital tem uma grande capacidade empreendedora e com vocação para o comércio, os serviços e o turismo. Continuaremos trabalhando para garantir que o setor produtivo tenha as melhores condições de se reerguer completamente, depois das dificuldades da pandemia."

José Aparecido Freire,

presidente Fecomércio-DF

"Brasília foi criada na inspiração da arte do arquiteto e na força do empreendedorismo de Juscelino Kubitscheck. E é essa inspiração que mantém viva a Brasília empreendedora, fruto de muito trabalho e de muita inovação. Precisamos levar o desenvolvimento
com a geração de empregos e a distribuição de renda para todo os brasilienses."

Valdir Oliveira,

superintendente do Sebrae-DF

Empresa de
Brasília expande
em São Paulo

Ao completar 10 anos do ciclo de expansão, o Grupo Sabin deu mais um importante passo na estratégia de crescimento. Acaba de realizar a aquisição do Laboratório CML, no estado de São Paulo. Passa a liderar 100% a operação da rede paulista, que tem sede em Vinhedo e presença nas cidades de Valinhos e Louveira. Com o novo negócio, chega a 31ª aquisição no país.

Marco de gestão

"O ano de 2012 representou um marco na nossa história com a decisão de expandir. E, passada uma década, concretizamos com sucesso essa meta. Continuamos com o compromisso de levar a qualidade dos nossos serviços a cada vez mais pessoas no país", destacou Lídia Abdalla, presidente do grupo.

Mundial Atacadista está
entre as maiores do país

Outro exemplo de empresa brasiliense que se destaca no cenário nacional é a Mundial Atacadista que atua no comércio de material de construção. E tem como CEO a empresária Sandra Rodrigues. Pelo resultado empresarial no segmento, ela foi uma das homenageadas do Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção (Anamaco), em evento em São Paulo. De volta a Brasília, ela celebrou a conquista em almoço com empreendedoras da cidade na sede da Mundial, em Samambaia. Aproveitou para autografar o livro Empreendedoras de Alta Performance — Brasilia, do qual é uma das personalidades femininas em destaque.

Celeiro artístico

Em homenagem ao aniversário da cidade, a Brasal Incorporações traz a exposição fotográfica Brasília Inspira. O projeto conta com 22 trabalhos de fotógrafos brasilienses independentes. Está aberto à visitação até 1º de maio, nos espaços Brasal no Guará e no Noroeste. Ester Cruz, Francisco William, Gustavo Minas, Luiza Herdy, Tomaz Turra participam com seus trabalhos da mostra.

Inspiração

"Brasília é um celeiro artístico. Queremos trazer para os nossos empreendimentos e para a comunidade a inspiração da arte local", conta o coordenador de Marketing da Brasal Incorporações, Guilherme Barbosa.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE