Loterias /

É hora de tentar a sorte grande

O prêmio acumulado é de R$ 48 milhões. O sorteio será hoje, às 20h. Apesar de ninguém ter marcado as seis dezenas, 72 apostas acertaram a quina e levaram R$ 45 mil. A quadra teve 4.799 acertos premiados com R$ 985,76

Ana Maria Pol
postado em 30/04/2022 00:01
 (crédito: Carlos Vieira/CB/D.A.Press)
(crédito: Carlos Vieira/CB/D.A.Press)

Acumulada em R$ 48 milhões, a Mega-Sena promete mudar a vida daqueles que sonham em levar a bolada para casa. Seja para quitar dívidas, ajudar parentes e amigos ou, principalmente, garantir um futuro melhor para os seus. É o caso da corretora de imóveis Delma Rodrigues, 46 anos, que tenta a sorte sempre que o prêmio acumula. "Penso muito na minha aposentadoria, em ter uma boa qualidade de vida no futuro", conta. Delma é mais uma das milhares de apostadores do Distrito Federal que devem aproveitar as últimas horas antes do sorteio, que ocorre hoje, às 20h, para ir até as lotéricas, ou recorrer à internet para fazer tentativas.

Apesar de ninguém ter levado o prêmio no último concurso, 72 apostas acertaram a quina e levaram R$ 45 mil. A quadra também teve ganhadores, com 4.799 apostas premiadas com R$ 985,76. A arrecadação total do concurso chegou a R$ 57.435.741,00. Delma é moradora do Sudoeste e foi uma das pessoas que tentou a sorte grande, mas não conseguiu. Apesar disso, a obstinação se mantém, sempre com cuidado para não ultrapassar limites. "Eu sou bem cuidadosa. A cada 15 dias separo R$ 6,50 para fazer jogos da Mega, e nunca ultrapasso o valor. Tento ser sempre bem controlada", garante.

O economista César Bergo reitera que é sempre importante fazer, assim como Delma, um bom planejamento do orçamento para não perder o controle das finanças. "Faça um jogo ou dois, à medida que o orçamento permitir. Temos sempre que manter o comportamento lúdico, de esperança que o jogo permite, sempre com muito controle para isso não se tornar um vício e comprometer as finanças domésticas", pontua. "Infelizmente, muitos jogam e poucos ganham, então a disciplina é fundamental", reitera.

O cuidado deve se manter para quem levar a bolada para casa, conforme explica César. "É sempre importante ficar atento com os aproveitadores que surgem nestes momentos, com falsas promessas de ajuda e facilidades. Todo cuidado é pouco. Então mantenha a cabeça fria", sugere. Além do cuidado, o economista diz que o vencedor deve permanecer com o planejamento financeiro em dia. "Você pode fazer várias coisas com o dinheiro ganho na Mega, mas o investimento é sempre importante", cita. Seja investir, guardar o valor em um banco ou comprar imóveis caros para aumentar o patrimônio, César reitera: "Escolha bem o produto, caso contrário, o dinheiro desaparece sem conseguir usufruir dos benefícios".

Dica de jogo

Professor de matemática do Colégio Objetivo, Nildemar Almeida dá a dica para os sortudos que planejam levar a bolada para casa. "Se possível, tentem fazer o jogo com maior número de dezenas na cartela. Ao invés de participar de bolões com seis dezenas, participe com sete ou oito dezenas", diz. De acordo com o especialista, as chances de ganhar aumentam significativamente. "Se você joga seis dezenas em uma cartela, você tem uma chance de 50 milhões. Mas se faz a tentativa de uma cartela com oito números, as chances aumentam para uma em 1,8 milhão", explica.

FRASE

"Temos sempre que manter o comportamento lúdico, de esperança que o jogo permite, sempre com muito controle para isso não se tornar um vício e comprometer as finanças"
César Bergo, economista

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE