TENTATIVA DE LATROCÍNIO

Um susto na recuperação de Gabriel Luiz

Jornalista apresentou picos fortes de febre, mas após controlar a temperatura Gabriel recebeu alta

Pedro Marra Renata Nagashima
postado em 30/04/2022 00:01
 (crédito: Instagram/Reprodução)
(crédito: Instagram/Reprodução)

O editor da TV Globo Gabriel Luiz, 28 anos, esfaqueado na noite de 14 de abril, no Sudoeste, precisou voltar para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Brasília, no Lago Sul, depois de episódios de febre. Ele mesmo deu notícia, ontem, por meio de uma rede social. Pela manhã, Gabriel postou, pela primeira vez desde a tentativa de latrocínio, que precisaria de mais acompanhamento. Felizmente, menos de um hora depois ele recebeu alta e voltou para o quarto, com o quadro de febres controlado. 

No Twitter, ele agradeceu ao carinho recebido, as manifestações de torcida e orações por sua recuperação. "Vocês não imaginam o tanto que isso faz a diferença! E fico sem palavras com tanto de gente que me quer bem." Sobre a recomendação para voltar a UTI, ele disse que era para ser acompanhado mais de perto. "Estou nas mãos dos melhores e, com base no que os médicos me relatam, estou confiante de que a minha saída está agora bem mais perto do que longe", disse.

O jornalista confessou que cada dia no hospital tem sido um desafio diferente. "Há dias de batalha e de descanso", completou. Gabriel afirmou que tem voltado pouco a pouco à rotina de antes das agressões, "andando sozinho normalmente, lendo, cantando, jogando dominó e caprichando nos trocadilhos ruins", escreveu.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE