Ibaneis entra no IAB

Correio Braziliense
postado em 17/05/2022 00:01
 (crédito: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
(crédito: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)

Mesmo licenciado do escritório, o governador Ibaneis Rocha (MDB) tem a advocacia na veia. Foi conselheiro federal da OAB, presidente e vice-presidente da seccional da entidade no DF, e, desde ontem, tornou-se membro do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), entidade centenária prestigiada na classe. Conduzida pelo ex-presidente do STF Sydney Sanches, a solenidade foi realizada na sede da OAB Nacional, com a presença do presidente da OAB Nacional, Beto Simonetti. O IAB é uma entidade centenária, o pai e a mãe da OAB, uma espécie de clube vip dos advogados. Para entrar, precisa de indicação e aprovação dos membros. Quem integra o instituto tem assento em todas as mesas da OAB.

Mais uma do saco de bondades

Na campanha de beneficiar servidores e empregados do GDF, o governador Ibaneis Rocha (MDB) promoveu, ontem, uma festa pelo dia do gari. Reuniu três mil funcionários do Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e deu um presente: dia de folga para os servidores do órgão sempre em 16 de maio.

Sampaio reúne apoiadores

O presidente do Sindicato dos Delegados da Polícia Civil do DF (Sindepo), Rafael Sampaio, reuniu três mil pessoas no lançamento de sua pré-candidatura a deputado federal pelo PL. Foi no último sábado, no Minas Hall. Entre os presentes, seus principais eleitores: delegados, agentes, escrivães, peritos e peritos-papiloscopistas, além da carreira de apoio da Polícia Civil do DF. O delegado conta com um casal de padrinhos: a deputada Flávia Arruda e o ex-governador José Roberto Arruda. Rafael Sampaio foi chefe de gabinete e secretário-executivo da ex-ministra e deputada federal Flávia Arruda na Secretaria de Governo da Presidência da República.

Herdeiros políticos

O ex-governador José Roberto Arruda declarou apoio ao presidente Jair Bolsonaro e tratou Flávia Arruda e Rafael Sampaio como seus sucessores, além de realçar uma dívida política com o ex-governador Joaquim Roriz. Ele disse que ajudará a campanha de Joaquim Roriz Neto, que deverá disputar uma vaga na Câmara Legislativa.

Em busca do
primeiro mandato

Outros policiais civis tentam um primeiro mandato de deputado distrital. Devem concorrer os delegados Jane Klebia (Agir) e Pablo Aguiar (PMN). Na última eleição, concorreram os delegados Mauro Cezar (Avante), Julio César (PSB) e Mário Gomes (PHS). O agente aposentado Carlos Tabanez (MDB) ficou na segunda suplência na última eleição e chegou a assumir por alguns dias. Agora, tentará novamente.

No páreo para a reeleição

Rafael Sampaio (PL) é o único representante da Polícia Civil do DF na disputa à Câmara dos Deputados. Mas há vários pré-candidatos da corporação de olho em mandatos de deputados distrital. Também pelo PL, o deputado Reginaldo Sardinha (PL), que é agente policial de custódia, busca a reeleição, como o delegado Fernando Fernandes (Pros). Nesse caso, ele tem um eleitorado mais identificado com a região do Sol Nascente e de Ceilândia, pela passagem como administrador regional da cidade. O deputado Cláudio Abrantes (PSD) também concorrerá à reeleição. Agente da Polícia Civil, ele ficou conhecido por representar o Cristo na Via Sacra de Planaltina e tem base eleitoral na cidade. Está no segundo mandato de deputado eleito e exerceu outros dois que assumiu como suplente.

Presidente do Sinpol disputará mandato de distrital

Pelo Podemos, está no páreo o presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol-DF), Alex Galvão. Ele promoveu recentemente uma festa de gala, com a presença de vários graduados na política do DF, como Flavia Arruda e José Roberto Arruda (PL), Celina Leão (PP) e Luis Miranda (Republicanos), Bia Kicis (PL) e Paula Belmonte (Cidadania). Todos de olho nos votos da categoria.

Planos voltam
à baila

O ex-diretor-geral da Polícia Civil do DF Eric Seba deve concorrer a um mandato de distrital. Ele se filiou ao PSB e está na nominata do partido para a Câmara Legislativa. Concorrer a uma vaga de deputado sempre esteve no radar do delegado que comandou a PCDF nos quatro anos do governo Rollemberg. Mas, no fim do mandato, em 2018, ele preferiu se aposentar e se afastou do dia a dia da polícia.

  •  Crédito: Renato Alves/Agencia Brasília. Eixo Capital. Garis do SLU participam de festa em que o governador Ibaneis Rocha assinou decreto instituindo 16 de maio como ponto facultativo
    Crédito: Renato Alves/Agencia Brasília. Eixo Capital. Garis do SLU participam de festa em que o governador Ibaneis Rocha assinou decreto instituindo 16 de maio como ponto facultativo Foto: Renato Alves/Agencia Brasília
  •  2022. Crédito: Sinpol/Divulgação. Cidades. Presidente do Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol), Alex Galvão, com a deputada Bia Kicis (PL-DF), no baile do Sinpol.
    2022. Crédito: Sinpol/Divulgação. Cidades. Presidente do Sindicato dos Policiais Civis do DF (Sinpol), Alex Galvão, com a deputada Bia Kicis (PL-DF), no baile do Sinpol. Foto: Sinpol/Divulgação
  •  2022. Crédito: Sindepo/Divulgação. Cidades. Lançamento da pré-candidatura do delegado Rafael Sampaio, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepo-DF) a deputado federal pelo PL.
    2022. Crédito: Sindepo/Divulgação. Cidades. Lançamento da pré-candidatura do delegado Rafael Sampaio, presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepo-DF) a deputado federal pelo PL. Foto: Sindepo/Divulgação
  • Em seu discurso, o governador do DF disse que está honrado em integrar o quadro do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB)
    Em seu discurso, o governador do DF disse que está honrado em integrar o quadro do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB) Foto: Thaís Moura/CB/D.A Press
  • 12/12/2019. Crédito: Ana Rayssa/CB/D.A. Press. Brasil. Brasília - DF. Cidades. Último dia de votação na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), antes do recesso parlamentar de final do ano. Na foto, o deputado distrital, Reginaldo Sardinha (Avante).
    12/12/2019. Crédito: Ana Rayssa/CB/D.A. Press. Brasil. Brasília - DF. Cidades. Último dia de votação na Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), antes do recesso parlamentar de final do ano. Na foto, o deputado distrital, Reginaldo Sardinha (Avante). Foto: Ana Rayssa/CB/D.A Press
  • Fernando Fernandes
    Fernando Fernandes Foto: Minervino Júnior/CB/D.A Press
  • 04/09/2017. Crédito: Ed Alves/CB/D.A Press. Brasil. Brasília - DF.  Claudio Abrantes, deputado, durante homenagem para Carlos Eugênio Silva, também conhecido como Dentinho, policial civil e atleta do ciclismo, que morreu durante uma prova no exterior.
    04/09/2017. Crédito: Ed Alves/CB/D.A Press. Brasil. Brasília - DF. Claudio Abrantes, deputado, durante homenagem para Carlos Eugênio Silva, também conhecido como Dentinho, policial civil e atleta do ciclismo, que morreu durante uma prova no exterior. Foto: Ed Alves/CB/D.A Press
  •  12/04/2022 Crédito: Minervino Júnior/CB/D.A Press. Brasil.  Brasilia - DF. Atropelamento na rua 06  no Assentamento 26 de Setembro. Delegada Jane Klebia.
    12/04/2022 Crédito: Minervino Júnior/CB/D.A Press. Brasil. Brasilia - DF. Atropelamento na rua 06 no Assentamento 26 de Setembro. Delegada Jane Klebia. Foto: Minervino Júnior/CB/D.A Press

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE