modelo computacional

Simulador da UnB revela em vídeo como a covid-19 se espalha na cidade

Estudo busca aplicar técnicas de simulação para mostrar os padrões de propagação do vírus com e sem isolamento social

Correio Braziliense
postado em 01/09/2020 13:05
 (foto: Reprodução)
(foto: Reprodução)

Um sistema computacional desenvolvido por estudantes de graduação e pós-graduação da Universidade de Brasília (UnB) mostra como funciona a propagação da covid-19. O estudo busca aplicar os padrões de propagação do vírus nos cenários com e sem isolamento social. O resultado é um vídeo que mostra a dinâmica de uma cidade fictícia diante dos dois cenários.

 

O projeto usou como referência os dados populacionais da cidade de Santana do Jacaré (MG) e foi realizado por alunos da disciplina Métodos Computacionais Intensivos para Mineração de Dados, que é ofertada pelo Programa de Pós-Graduação em Computação Aplicada do Departamento de Ciência da Computação (PPCA/CIC).

O modelo computacional não leva em consideração alguns cenários factíveis na vida real. "Nas simulações apresentadas, a cada intervalo de uma hora, cada cidadão se desloca com uma probabilidade pré-especificada. Os destinos são também sorteados aleatoriamente, com maior probabilidade alocada a um conjunto de pontos de interesse. Em resumo, um conjunto de regras probabilísticas permite ao analista simular o deslocamento dos habitantes da cidade", explica o professor da disciplina Guilherme Rodrigues.

O estudo também pretende demonstrar como a adoção de medidas de isolamento podem auxiliar a reduzir o impacto da pandemia. "A ilustração da disseminação do vírus em diferentes cenários apela ao espectador a partir de um elemento visual, na medida em que mostra como as ações de prevenção reduzem a velocidade de contaminação de novos indivíduos", diz o professor Guilherme Rodrigues.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação