Televisão

Em episódio ambientado no Brasil, "Os Simpsons" previram nota de R$ 200

O episódio foi ambientado na Copa do Mundo de 2014 realizada no Brasil. Relembre também outras previsões de "Os Simpsons"

Correio Braziliense
postado em 30/07/2020 17:16 / atualizado em 07/08/2020 10:48
 (foto: Fox/Reprodução)
(foto: Fox/Reprodução)

O anúncio da aprovação do lançamento da cédula de R$ 200 no Brasil é mais uma situação prevista pela animação Os Simpsons. O fato ocorreu no episódio 16 da 25ª temporada da série, que foi ar em 2014, ano da Copa do Mundo no país.

No capítulo em questão, uma maleta com notas R$ 200 é oferecida a Homer como suborno, já que o personagem é árbitro da Copa do Mundo no Brasil. Nesse mesmo episódio, os roteiristas também previram a derrota do Brasil para a Alemanha, depois que o atacante principal do time sofreu lesões.

A nova cédula deverá entrar em circulação a partir do final de agosto. A estimativa é que sejam impressas 450 milhões das novas cédulas em 2020, o equivalente a R$ 90 bilhões. É a primeira vez em 18 anos que o real recebe uma nova cédula.

Algumas outras previsões de Os Simpsons

Em 1995, Os Simpsons mostraram Lisa viajando até 2010 com a ajuda de uma vidente. O episódio retratou a personagem conversando com Marge por meio de uma combinação de telefone e televisão, bem com um garoto usando um relógio parecido um smartwatch. Demorou alguns anos, mas as tecnologias exibidas no episódio são realidade atualmente.

Em 1998, um episódio da animação fez uma brincadeira e mostrou que a Fox, então proprietária de Os Simpsons, havia se tornado uma divisão da Disney, o que é realidade desde 2017. O processo de compra da Fox pela Disney precisou passar por alguns processos regulatórios antes de ser oficializado.

Em 2000, os roteiristas retrataram Donald Trump como presidente dos Estados Unidos. Em 2016, o milionário foi eleito e conquistou o cargo.

Em 2010, na 22ª temporada de Os Simpsons, Milhouse fez uma aposta e disse que o economista finlandês Bengt Holmstrom venceria o Prêmio Nobel de economia daquele ano. Milhouse, na realidade, só errou o ano: Holmstrom venceu o prêmio em 2016. Além disso, o personagem Database também acertou Ben Feringa como vencedor do Nobel de química nesta mesma ocasião.

Em um episódio de 2012, o programa retratou a apresentação de Lady Gaga no Super Bowl, jogo mais importante da liga de futebol americano. A previsão se concretizou em 2017, cinco anos depois.

Em 2014, em um episódio ambientado na Copa do Mundo, o personagem inspirado em Neymar, atacante principal da Seleção Brasileira, se machuca e tem que sair do jogo. Devido a isso, o Brasil perde para Alemanha, em uma derrota de 2x0. Na vida real, a parte imprevisível foi a derrota marcante de 7x1.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação