Cinema

'Dirty Dancing' ganhará sequência com participação de Jennifer Grey

A continuação do icônico filme terá direção de Jonathan Levine e roteiro de Mikki Daughtry e Tobias Iaconis. O anúncio foi feito pela Lionsgate na última quinta (6/8)

Correio Braziliense
postado em 10/08/2020 18:45
 (foto: Reprodução/YouTube)
(foto: Reprodução/YouTube)

Dirty dancing, um dos clássicos filmes românticos do cinema, ganhará uma sequência 30 anos depois do lançamento do primeiro filme. A informação foi confirmada pelo CEO do estúdio Lionsgate, Jon Feltheimer. Estrelado por Jennifer Grey, que vive a jovem Frances Baby Houseman, e por Patrick Swayze, o instrutor de dança Johnny Castle, o longa conta a história de amor entre os dois e eternizou o ator como sex symbol. 

O anúncio ocorreu durante a videoconferência sobre o balanço trimestral do estúdio, na última quinta-feira (6/8). O executivo anunciou que a protagonista do primeiro sucesso, Jennifer Grey, estará na sequência e será uma das produtoras executivas do novo longa, que ainda não tem data de estreia. Swayze, infelizmente, não acompanhará o segundo filme. O ator morreu em 2009, aos 57 anos, devido a um câncer de pâncreas. 

"Será exatamente o tipo de filme romântico e nostálgico que os fãs da franquia estavam esperando e que o tornaram o título de biblioteca mais vendido na história da empresa", disse Jon Feltheimer ao jornal The Guardian.

A sequência de Dirty dancing terá direção de Jonathan Levine, e o roteiro será assinado por Mikki Daughtry e Tobias Iaconis, escritores de A cinco passos de você e A maldição da chorona.

Com direção de Emile Ardolino e com orçamento de apenas US$ 6 milhões, Dirty dancing faturou US$ 214 milhões mundialmente, segundo The Guardian. The time of my life, música-tema do filme, ganhou um Oscar e um Globo de Ouro.

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação