Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para este domingo (16/8)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar este domingo, 16 de agosto, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 16/08/2020 06:00
 (foto: Stan Honda/AFP; CB )
(foto: Stan Honda/AFP; CB )

Substituindo a inércia

Data estelar: Sol e Mercúrio em trígono com Marte; Lua míngua em Câncer

Saber o que precisa ser feito, mas não o fazer, é assim que te abandonas voluntariamente à inércia, que é a principal inimiga de uma construção sábia e feliz de tua experiência de vida. E a culpa que te atormenta por isso é outro tipo de inércia, mais sofisticada e venenosa, porque te brinda com o estranho prazer de que, por te atormentares com ela, já estarias fazendo algo para tua absolvição. Sinto te informar, é tudo perda de tempo. Só sairás da inércia e a vencerás, através de ações práticas, que não precisam ser tão certeiras quanto para te oferecerem resultados espetaculares. Nada disso! Entraste na inércia aos poucos e sutilmente foste te acomodando nela. Agora, tens de fazer o caminho de volta e, aos poucos, inserir ações diárias e sistemáticas para criar um hábito mais saudável que substitua a inércia.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

A inquietação se resolve com atividades práticas, porque de outra forma se transferirá aos relacionamentos próximos e criará tensões desnecessárias. Procure algo para colocar em marcha toda essa energia disponível.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Difícil explicar sentimentos e emoções, porque raramente esses cabem em palavras. A não ser que você seja poeta, procure não se complicar com as palavras, mas preferir o silêncio e os gestos pequenos para se comunicar.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Há momentos em que as palavras e as ações conseguem entrar em modo convergência, e é aí que sua alma brilha. Apesar de ser final de semana, que convida à distração, neste momento você pode avançar bastante.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Ninguém além de você tem a capacidade, neste momento, de tomar as iniciativas que tirariam tudo da inércia. Porém, como bom ser humano que você é, isso não obriga a tomar essas iniciativas. É tudo uma escolha. É assim.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

Mesmo que sua alma esteja insegura a respeito das questões práticas que precisam ser resolvidas, o melhor a fazer é não se deter sequer por um instante para ruminar os dilemas, mas adotar uma postura pragmática diante deles.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Ofereça um voto de confiança à orientação que você recebe das pessoas e, a seguir, coloque em prática o que elas indicarem, mesmo que, à primeira vista, você não sinta nenhum apreço pelo que elas orientam. É assim.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Dilemas são bons, porque renovam o compromisso humano com a verdade. Porém, não se pode passar a maior parte do tempo dando cabeçadas com eles. Em algum momento há de se entrar no ritmo da atividade prática, que resolve.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Há lindas imagens de um futuro desejável inundando sua alma. Isso é muito bom, porque conforta e nutre a alma. Porém, se observar ao seu redor, verá que é necessário adequar o tempo presente para receber esse futuro.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Suas atitudes não são necessariamente simpáticas aos olhos de todo mundo, porém, este não é um momento de angariar simpatias, mas de seguir em frente com a aplicação prática de sua visão de mundo. Construção.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Aceite as orientações, porque mesmo que isso fira seus princípios de autonomia e independência, ainda assim você precisa considerar que, diante das circunstâncias, há pessoas que sabem mais do que você.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Para entrar no ritmo, é fundamental que você deixe os pensamentos de lado e se muna de boa vontade para colocar as mãos na massa. Assim, você verá, sua importância pessoal será avaliada adequadamente.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

O único porto seguro que você tem na atualidade é o entusiasmo que sua alma sente ao se projetar ao futuro e se ver motivada a dar passos atrevidos. Parece pouco, parece sutil demais, porém, é a força disponível.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação