Manifestação

Ato marcado para esta terça pede soluções para setor do entretenimento

Protesto será no Museu Nacional da República e foi criado pelo movimento Luz aos Invisíveis

Correio Braziliense
postado em 25/08/2020 11:01 / atualizado em 25/08/2020 11:01
O manifesto surgiu on-line e terá desdobramentos com o ato marcado para esta terça-feira (25/8) -  (foto: Divulgação)
O manifesto surgiu on-line e terá desdobramentos com o ato marcado para esta terça-feira (25/8) - (foto: Divulgação)

O movimento Luz aos Invisíveis, mobilização nacional que reivindica atenção do poder público aos problemas enfrentados pela classe cultural e de entretenimento durante a pandemia, fará um ato nesta terça-feira (25/8), às 16h, no Museu Nacional da República. Os manifestantes se deslocarão até o Ministério do Turismo, passando pelo Congresso Nacional, e retornarão ao ponto de origem, seguindo protocolos de segurança divulgados pela organização.

Entre as reivindicações do movimento estão a publicação do superávit e a disponibilização do saldo remanescente do Fundo de Apoio à Cultura (FAC); o cumprimento da Lei Aldir Blanc e a extensão do benefício até quando puderem voltar os eventos; solicitação de pesquisa ao IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) sobre as novas profissões do setor de economia criativa e inclusão delas no Código Brasileiro de Ocupações; ampliação e implantação de linhas de crédito específicas; e revisão dos prazos de pagamentos de impostos distritais.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação