Premiação

Projeto brasiliense de teatro vence Prêmio Brasil Criativo deste ano

O projeto Festival de Teatro Brasileiro era o único representante do DF entre os finalistas da premiação

Correio Braziliense
postado em 08/09/2020 19:06
Único representante do DF entre os finalistas, Festival de Teatro Brasileiro ganha mais uma vez o Prêmio Brasil Criativo -  (foto: Kiko K./Divulgação)
Único representante do DF entre os finalistas, Festival de Teatro Brasileiro ganha mais uma vez o Prêmio Brasil Criativo - (foto: Kiko K./Divulgação)

Com a ideia principal de promover um intercâmbio cultural, levando recortes da produção de artes cênicas de um estado para o outro, o projeto brasiliense Festival de Teatro Brasileiro venceu o Prêmio Brasil Criativo, na categoria Artes Cênicas/Festivais que Transformam. Esta não é a primeira vez que o evento sai vitorioso. No ano passado, o FTB também levou a premiação. 

Entre todos os participantes da premiação, o festival era o único representante do Distrito Federal entre os finalistas. Idealizado e coordenado por Sérgio Bacelar, o vencedor da categoria Artes Cênicas/Festivais que Transformam é formado por iniciativas como debates, espetáculos, convidados especiais, oficinas e cursos de formação. O projeto, criado em 1999, tem caráter itinerante e passou por 17 das 27 unidades da federação. Um dos fundamentos do festival envolve a ação educativa com arte educadores, professores e alunos das escolas públicas. Em 2018, o FTB ganhou o prêmio Plataforma de Difusão das Artes Cênicas, concedido pela Secretaria de Estado da Cultural do Distrito Federal.

Empreendedor criativo

Dentre os 586 empreendedores, foram selecionados 36 finalistas indicados para as doze categorias. O prêmio é dividido em cinco campos de interesse da economia criativa: criações culturais e funcionais; audiovisual e literatura; patrimônios; artes de espetáculo e expressões culturais.

Neste ano, o Prêmio Brasil Criativo será celebrado com um documentário sobre economia criativa com os vencedores. O lançamento é realizado nesta terça-feira (8/9), no Facebook do Histórias de Terapia, às 17h.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação