Políticas Públicas

Eleição para conselhos regionais de cultura bate recorde de inscritos

Número de inscritos alcança quórum mínimo em 25 regiões administrativas e total de pessoas a se candidatar chega a 444

Correio Braziliense
postado em 08/09/2020 18:25
Fachada da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF -  (foto: Bruno Peres/CB/D.A Press)
Fachada da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do DF - (foto: Bruno Peres/CB/D.A Press)

Mesmo em época de pandemia, o edital de seleção do Conselho de Cultura do Distrito Federal (CCDF) - triênio 2021/2024 obteve um número alto de inscritos. De um total de 33 regiões administrativas, 25 atingiram a quantidade necessária de candidaturas, cujo valor mínimo exigido para alcançar o quórum da eleição de conselhos regionais de cultura (CRCs) é de nove inscritos. Na última eleição, em 2016/2017, 233 pessoas se candidataram quando, este ano, foram 444.

Entre todas as regiões administrativas, apenas oito não conseguiram o mínimo de inscritos. Wellington Abreu, presidente do CCDF, relata que o órgão debaterá possíveis soluções para esta situação. Entretanto, um fator que chama atenção é que a região de Sol Nascente/Pôr do Sol tem o primeiro ano de seleção com domicílio eleitoral formado e, mesmo assim, conseguiu treze candidaturas.

Em parceria formada entre Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec), o CCDF e a comunidade artística, as eleições ocorrem para decidir quem tomará posse e auxiliará o órgão deliberativo, previsto na Lei Orgânica da Cultura (LOC), a fortalecer a cena cultural da cidade, por meio do Sistema de Arte e Cultura do DF (SAC-DF), de políticas públicas e do diálogo com a sociedade civil.

Sobre o cronograma, permanece aberto até 11 de setembro a interposição de recursos. A partir deste momento, os candidatos devem se mobilizar para eleger titulares e suplentes para o CRCs, com as eleições marcadas entre 21 de setembro e 2 de outubro. O resultado será homologado entre 5 e 12 de outubro e publicado no Diário Oficial do DF (DODF) entre 13 de outubro e 13 de novembro. A posse, por sua vez, será entre 16 de novembro e 8 de janeiro de 2021, ocorrendo de maneira remota e presencial.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação