Programe-se

Viva a representatividade!

Irlam Rocha Lima
postado em 11/09/2020 20:28

Um mix de espetáculos musicais e debates reflexivos sobre a ancestralidade, representada pelas Yabás — orixás femininas — é o que propõe o Afrodisia, festival on-line, idealizado e ancorado pela cantora brasiliense Renata Jambeiro, com a participação de 40 mulheres do cenário artístico-cultural brasileiro. Aberto no último dia 5, com amplo painel sobre o tema e shows, o evento prosseguirá até o fim deste mês, sempre aos domingos, entre 17h e 21h.

Criadora do projeto, Renata Jambeiro ressalta a importância da realização. “O festival busca valorizar, com extensa programação, que inclui debates, shows e o movimento de sonoridade que permeia este trabalho.” Ela acrescenta: “Há uma troca belíssima entre as artistas e as especialistas e, sobretudo, o comprometimento com algo maior, que é pensar a nossa contribuição para o mundo de hoje. Acredito que esta reflexão profunda sobre a ancestralidade é a marca do Afrodisia”.

Amanhã, será realizado o segundo painel, intitulado O corpo é voz, a voz do corpo — Qualidade, higiene vocal e expressão na voz popular, com a participação de Fabiana Cozza, cantora, atriz e fonoaudióloga paulista; Dianete do Valle, fonoaudióloga e especialista em voz brasiliense; Daniele Stief, professora de canto e otorrinolaringologista austríaca. Paralelamente, haverá shows ao vivo, com duração de 30 minutos, das cantoras Ana Costa e Patrícia Mellodi, do Rio de Janeiro.

O festival terá continuidade entre os dias 20 e 27 quando, além de shows, ocorrerão painéis intitulados Mulher Negra na Arte — Onde estávamos e onde estamos indo e A Mulher na produção Artística — Histórico e Mercado Atual, respectivamente. A produção disponibiliza um QR Code na tela, além da conta bancária de depósito para a “compra de ingressos”. A arrecadação será repartida entre as artistas, equipe e realizadores.


Festival Afrodisia — Lives
Painel de debate e shows neste domingo, a partir das 19h. Transmissão ao vivo no canal youtube/renatajambeiro.

 

 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação