Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para esta terça-feira (15/9)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar esta terça-feira, 15 de setembro, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 15/09/2020 06:00
 (crédito: Stan Honda/AFP; CB)
(crédito: Stan Honda/AFP; CB)

O TEMPO RESOLVE

Data estelar: Vênus e Urano em quadratura; Lua Vazia das 12h10 até 15h38

No mundo incerto em que existes, a cada dia é mais raro encontrares certezas. Se observas tua própria alma, verás com clareza que há nela emoções desencontradas, sonhos incompatíveis entre si, uma mistura complexa de anseios e desânimos. Então, não é conveniente que busques certezas no mundo em que existes, porque apesar de essas existirem, convives com uma esmagadora maioria de pessoas que se encontram no mesmo estado que ti. Não é sábio exigir que uma oliveira te forneça maçãs. Não tendo como este mundo te oferecer certezas, em primeiro lugar desconfia daqueles que vêm para cima de ti te afirmando isso ou aquilo, pois, esses só querem te dominar. Em segundo lugar, te aquieta o máximo possível e, em paz com tua própria alma, deixa que o tempo resolva o que tu não tens capacidade de encarar agora.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

De tanto querer que algo aconteça, se perde a naturalidade do processo. É necessário dar tempo ao tempo, deixar que algumas trapalhadas aconteçam, porque essas mostrarão as arestas que deverão ser lapidadas. É assim.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Cuide para ser minimamente coerente com suas ideias, de modo que a prática siga essa linha de raciocínio. A discrepância acentuada entre suas teorias e práticas acabaria produzindo desconfiança e atrasos em tudo.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Dizer o que não deveria, quantas vezes isso aconteceu a você? Inúmeras, com certeza! E continuará acontecendo, inclusive. Por isso, tenha sempre à mão uma atitude leve e divertida para com as trapalhadas que cometer.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Que as pessoas façam ou não o que prometem não é algo necessariamente vinculado à confiabilidade delas, porque em muitos casos acontecem trapalhadas no meio do caminho, que elas não sabem administrar direito.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

Querendo fazer o melhor, talvez você enfie os pés pelas mãos. É que as coisas andam muito alteradas, e os ânimos de nossa humanidade pior ainda. Por isso, espere trancos e barrancos como algo normal nos próximos dias.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Nem tudo é como você pretendia, mas há ingredientes na sua vida que precisam ser valorizados, já que substituem quaisquer contrariedades que afligirem sua alma. Siga em frente, ainda há muito jogo para ser jogado.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Evite se preocupar excessivamente com atrasos e contratempos, porque o cenário do mundo está de ponta-cabeça e isso se reflete através de todos os relacionamentos. Porém, isso não significa nenhum desastre em andamento.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

O que parecia fácil e ao alcance da mão não se mostra assim na realidade. É hora de respirar fundo e reconsiderar as estratégias que vinha desenhando. Tome essa atitude para agregar leveza e clareza ao seu caminho.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Impossível ir muito longe quando há tantos afazeres imediatos para atender. Isso dá nos nervos, porém, as coisas se dão assim hoje e seria melhor não se irritar demais com os contratempos, mas os atender com carinho.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

As dificuldades que surgirem, se encaradas com boa vontade, servirão para você aprimorar os métodos que normalmente usa para solucionar problemas. Tenha paciência e boa vontade, tudo acontece por bem.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

As trapalhadas que as pessoas cometem não têm malícia nem péssimas intenções, são apenas atitudes fora da hora, que poderiam ter sido evitadas, caso elas prestassem mais atenção. Seja tolerante, nada errado.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Aquilo que você tinha certeza de que daria certo, não deu os resultados pretendidos, porém, não é hora de transformar isso no fim do mundo, porque não é nada disso. É apenas uma mudança de planos e estratégias.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação