Artes visuais

São Paulo recebe mural em homenagem aos profissionais da saúde

Um dos mais relevantes nomes da arte contemporânea brasileira e pioneiro da street art mundial, Alexandre Orion assina a obra intitulada 'Saudação'

Correio Braziliense
postado em 16/09/2020 14:11
 (crédito: MOTISUKIPR/ Divulgação)
(crédito: MOTISUKIPR/ Divulgação)

As ruas de São Paulo abrigarão mais um mural artístico. Desta vez, Saudação, obra de Alexandre Orion, é uma homenagem aos profissionais da saúde que atuam na linha de frente da pandemia do novo coronavírus. O artista plástico está produzindo um mosaico de fisionomias acompanhadas por sorrisos e máscaras ocupando todo o mural, localizado no edifício do InCor - Instituto do Coração, no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, em São Paulo.

A escolha corrobora com o trabalho feito no local. O hospital tem participado ativamente da linha de frente do HCFMUSP no combate à covid-19, inclusive no desenvolvimento de vacina contra a doença e de outros avanços tecnológicos.

“Escolhemos essa empena por ela estar voltada para a única passarela de pedestres que atravessa a Avenida Rebouças. Ela significa não só o fluxo físico das pessoas, mas a importância que essa travessia representa. Atravessar essa ponte, que te leva ao hospital e também tira você dele, carrega muitas emoções”, comentou Orion em material de divulgação.

Ao todo, 400 m² de parede ganharão vida após três meses, entre pesquisa e preparativos. O trabalho de escala monumental começou a tomar forma no última dia 9 e está previsto para ser finalizado em 27 de setembro.

Todo o processo de construção do mural está sendo registrado e acompanhado por entrevistas com diversos profissionais do Instituto do Coração e do Hospital das Clínicas. O resultado final será retratado em um curta-metragem homônimo ao painel.

"A ideia é que o mural não se baste, que não seja uma homenagem que se encerra em si. Mas que seja acompanhado de um material audiovisual. As histórias desses profissionais me interessam muito. São a minha maior motivação. São elas que irão tocar as pessoas e fazê-las refletir", afirma o artista. 


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação