Obituário

Ator Cecil Thiré, vilão da novela 'A próxima vítima', morre aos 77 anos

De acordo com os filhos, o ator Cecil Thiré morreu de causas naturais enquanto dormia em sua casa no Rio de Janeiro

Correio Braziliense
postado em 09/10/2020 14:52 / atualizado em 09/10/2020 15:05
 (crédito: Arquivo/TV Globo)
(crédito: Arquivo/TV Globo)

O ator e diretor Cecil Thiré morreu, nesta sexta-feira (9/10), aos 77 anos, enquanto dormia em sua casa no Rio de Janeiro. De acordo com informações do portal Uol, os filhos do artista confirmaram que o pai morreu de causas naturais. Há alguns anos, Thiré lutava contra o mal de Parkinson. 

Thiré era filho único do artista plástico Carlos Arthur Thiré e da atriz Tônia Carrero, que morreu em 2018 após sofrer uma parada cardíaca em um procedimento cirúrgico. Desde muito cedo, ele herdou a veia artística da família. O ator estreou nas telinhas em 1967 em Angústia de amar, da extinta TV Tupi. No entanto, chegou a ser assistente de direção de Ruy Guerra em Os fuzis três anos antes. 

Apesar de ter atuado em cinema e teatro, a televisão foi o grande palco do artista. Por meio das novelas da Rede Globo, como, por exemplo, Top model, Pedra sobre pedra, Malu mulher e Sassaricando, Thiré ganhou fama pelo Brasil. O último trabalho do ator foi na novela Máscaras da Record TV. 

Em 1995, Thiré teve grande destaque ao interpretar o vilão e serial killer Adalberto Vasconcellos da novela A próxima vítima. Assinada por Silvio de Abreu, a trama é considerada a história de maior suspense da teledramaturgia nacional e, atualmente, está sendo reprisada pelo canal Viva.

Família

Cecil Thiré foi casado duas vezes. Do primeiro casamento, com Norma Pesce, ele deixa três filhos, Miguel, Carlos e Luísa. Na segunda união, com Carolina Cavalcanti, teve João Cavalcanti. Os primogênitos seguiram o caminho do pai e também são atores. 

Desde 2006, Thiré tinha um relacionamento com a atriz Nancy Galvão. Ele deixa ainda sete netos.

 



Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação