HORÓSCOPO

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para este sábado (21/11)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar este sábado, 21 de novembro, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 21/11/2020 06:00
 (crédito: Pixabay/Reprodução)
(crédito: Pixabay/Reprodução)

A matemática existencial

Data estelar: Sol ingressa em Sagitário, Vênus em Escorpião; Lua Vazia o dia inteiro

Sagitário é o fiel retrato de nossa humanidade, cheia de ideias e aspirações que a entusiasmam a seguir em frente, apesar de todos os perrengues e do estado brutal do mundo, que não é nada além do, também, fiel retrato de nossa humanidade. Elevação e abjeção, estas são as polaridades que nos identificam, assim como, também, as decisões íntimas que tomamos a cada solitário instante de nossas existências, e que definem a quantidade de tempo que investiremos tanto num sentido quanto no outro. A distância entre nossas mais elevadas aspirações e nossa mais primitiva brutalidade se decide a cada momento em nossos corações, este é o destino humano, do qual, alma alguma pode se eximir, porque deixaria de ser humana sem essa matemática existencial.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

Receba as críticas, procure não reagir impulsivamente a essas, porque não vêm por mal, mas por bem. Reagir impulsivamente às críticas só atrasaria o processo, que é justamente o que você não deseja. Em frente.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

As coisas continuam em marcha, a despeito das aparências, que parecem subverter tanto a ordem que dá a impressão de fracasso. Cuide para não estacionar sua mente nessa condição, mas olhar através das circunstâncias.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Não é que as pessoas andem dando a você mais trabalho do que o habitual, acontece apenas que sua alma não anda com essa paciência toda para lidar com elas. Tenha isso em mente para não fazer julgamentos severos demais.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Apesar de as coisas começarem a dar sinais de desgaste, e dar mais trabalho do que o habitual, se você não perder tempo demais em reclamações, logo verá nisso a oportunidade de aprimorar seu desempenho. Aí sim.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

O desassossego encontra inúmeros argumentos para se alimentar, porém, são todos detalhes que, vistos com maior atenção, não serviriam para sustentar tal estado de ânimo. Use bem sua mente, não se engane com ela.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Evite se enredar em raciocínios complicados sobre o que acontece, porque nada merece esse tormento. Pelo contrário, tome distância e procure conforto e segurança nos ambientes pelos quais você transita todos os dias.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Cuide para não dar por garantido nada que tiver sido combinado com ninguém, pois, há reviravoltas em curso, sem que necessariamente essas sejam provocadas por qualquer tipo de atitude maliciosa da parte das pessoas.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Evite tirar conclusões precipitadas em torno da bagunça que você precisará administrar nos próximos dias, porque isso não define seu futuro, apenas a transição entre um modo e o outro de fazer as coisas. Em frente.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Assim que os perrengues começarem a surgir, procure manter a cabeça no lugar e não reagir precipitadamente, porque nada disso é realmente importante, são coisas que podem ser solucionadas com a indiferença.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Comece a tomar uma distância segura de tudo e de todos, para enxergar o cenário com a maior amplitude possível, pois, isso facilitará a compreensão do que acontece, que não é pouco não. Tome seu tempo.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Insistir em fazer tudo do seu jeito criará problemas. Amplie sua visão por alguns instantes, incluindo as mãos amigas que se estendem em sua direção, mesmo que ao as aceitar você tenha de mudar um pouco seus planos.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Não se importe com que tudo aconteça aos trancos e solavancos, nem tampouco com a aparente conspiração que tenta derrubar suas conquistas. Se importe apenas com tocar a bola para frente, o jogo continua.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE