Lançamento

'João Lee presents: Rita Lee & Roberto´ tem lançamento sexta-feira (9/4)

O projeto da Universal Music 'Rita Lee & Roberto — Classix Remix' reúne três volumes de remixes das músicas de Rita Lee e Roberto de Carvalho

Fernanda Gouveia*
postado em 08/04/2021 14:55
A capa do primeiro álbum do projeto também foi produzida por João Lee -  (crédito: Universal / Divulgação)
A capa do primeiro álbum do projeto também foi produzida por João Lee - (crédito: Universal / Divulgação)

O primeiro disco de três volumes do projeto Rita Lee & Roberto — Classix Remix, da Universal Music será lançado nas plataformas digitais à meia-noite desta sexta (9/4). O álbum, denominado João Lee presents: Rita Lee & Roberto — Classix Remix Vol. 1, apresenta 12 faixas remixadas, entre elas, Mania de você, Mutante e Saúde.


Há alguns anos, João Lee, filho do meio do casal Rita Lee e Roberto de Carvalho, teve a ideia de realizar um projeto de remixes da obra dos pais. João é produtor e DJ, com mais de 25 anos de experiência na música eletrônica. “Para mim foi a realização de um sonho, o projeto da minha vida”, contou o DJ no evento online de lançamento do projeto, que teve caráter limitado.


O projeto conta com a colaboração de diversos DJs brasileiros, que estão presentes em várias partes do mundo. Para a escolha deles, João Lee explicou que foi um trabalho de reconexão com esses profissionais e que durou alguns meses: “Para escolher os DJs, me reconectei com conversas e encontros que tive ao longo dos anos. Muitos me falavam que gostariam de remixar ou fazer uma releitura de determinada música dos meus pais. Ou seja: foi um trabalho de conectar pontas e montar o quebra-cabeça de quem faria cada música, qual delas seria mais techno, house, latina ou mais drum’n’bass. Posso dizer que cada música tem uma história e um motivo para estar lá”.


O remix da música Caso sério, por exemplo, foi produzida pelo DJ Marky, conhecido por trabalhar com o gênero drum’n’bass, caracterizado por batidas rápidas, próximas a 170 BPM. Durante o evento de lançamento, Marky revelou que escolheu remixar essa música pois é uma de suas favoritas da Rita Lee e tem uma memória afetiva relacionada aos pais: “Esse disco da Rita e do Roberto tinha acabado de sair e eu lembro dos meus pais chegando com ele em casa”. Assim, o DJ optou por produzir duas versões da música, uma delas utilizando o estilo drum’n’bass, e a outra com um ritmo mais latino, pensando na família: “Eu pedi para o João se eu poderia fazer as duas versões, queria fazer uma versão para tocar para a minha galera na Inglaterra e a outra, totalmente diferente, eu queria fazer uma coisa mais latina para os meus pais”. As duas versões estão presentes no primeiro disco.


Além do DJ Marky, outros artistas compareceram ao evento de lançamento para compartilhar sobre o trabalho. Entre eles, Gui Boratto, que realizou o remix de Mutante; Mary Olivetti, com Cor de rosa choque, que representou a primeira produção da DJ carioca; os gêmeos do grupo Dubdogz, que ficaram responsáveis pelo sucesso Mania de você, o DJ Wehbba, com Doce vampiro, e por último, o DJ Renato Cohen, que produziu o remix de Atlântida.


Sobre o projeto, Rita Lee revela em nota: “Já nos primeiros remixes que João mandava para Roberto e eu ouvirmos, era como mergulhar numa dimensão paralela, tipo a trilha sonora de um passeio num disco voador. Impressiona como esses ‘Merlins do som’ desconstroem a música original e a transportam para muito além daquela minha tal máquina do futuro... pero sin perder la ternura, apenas convidando a tirar nossas bundas da cadeira para dançarmos livres-leves-soltos até no meio da cozinha e mandar a pandemia para aquele lugar”.


Os lançamentos dos três volumes irão ocorrer a cada mês, de abril a junho, chegando ao total de 37 remixes da obra de Rita Lee e Roberto de Carvalho. “A gente está querendo dar um pouco de alegria para as pessoas. Convido todo mundo a ouvir no dia 9”, diz João Lee, finalizando o evento de lançamento.

* Estagiária sob a supervisão de Ricardo Daehn

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE