HORÓSCOPO

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para esta quarta (23/6)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar esta quarta-feira, 23 de junho, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 23/06/2021 06:00
 (crédito: Pixabay/Reprodução)
(crédito: Pixabay/Reprodução)

Uma verdade absoluta

Data estelar: Sol e Júpiter em trígono, Vênus e Plutão em oposição; Lua cresce em Sagitário.

O ser humano é uma experiência cósmica completa, que reúne em si a mais sublime e pura elevação com o rastejar abominável da crueldade. Portanto, não te admires ao te deparar com a perplexidade com que tua consciência precisa lidar, mas precisas tomar cuidado com algo muito importante, que é não cair na tentação de projetar para fora de ti o que não tens coragem de assumir em teu próprio funcionamento. Cada ser humano é sublime e abominável ao mesmo tempo, só mudando as proporções em que estes extremos se manifestam. A mais bondosa de todas as pessoas entre o céu e a terra tem sua dose de crueldade, e a mais abjeta das pessoas tem também um quê de bela e sublime. Esta é uma real realidade que não muda com pontos de vista, é uma verdade absoluta.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

A vontade de poder provoca inúmeros inconvenientes, mas que fazem parte do caminho. Portanto, aceite com naturalidade o que acontecer, se lembrando de que sua alma está em busca de domínio. Sacrifícios necessários.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Sua mente precisa ser dominada, porque se recusa a aceitar que tudo esteja em bom andamento, se mantendo sob o controle de temores antigos, que não teriam como se replicarem no momento atual. Domínio mental.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Foque sua atenção em todos os aspectos práticos que precisam ser organizados para que suas ideias se materializem da melhor maneira possível, sem efeitos colaterais nocivos. Isso consome tempo, mas é melhor assim.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

Não importa quão bem você faça o que fizer, tenha certeza de que sempre haverá por aí algum espírito de porco com plena disposição a criticar com severidade sua atuação. Continue em frente sem se importar com isso.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

As preocupações são insidiosas, se munem de argumentos insofismáveis. Porém, a mente que argumenta com ansiedade é a mesma mente que pode desfazer o feitiço. Tudo depende de sua decisão. Tome a melhor possível.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

Querer mais do que se pode, essa é uma boa parte da história de nossa humanidade, que provoca inúmeros inconvenientes, mas que, ao mesmo tempo, motiva a fazer descobertas que mudam tudo para sempre. Aceite e agradeça.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Os venenos que intoxicaram seu caminho nos últimos meses não eliminaram sua presença entre o céu e a terra. Portanto, é hora de aceitar que tudo isso deve ter brindado com força renovada. Siga com atrevimento.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Há tanta coisa funcionando bem e em seus devidos lugares, que seria uma pena você achar tudo abaixo de suas expectativas e, como resultado, desvalorizar o momento. Cuide para manter sua desconfiança sob controle.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Os sentimentos são bons, mas a prática deixa a desejar. Boas intenções nunca serão suficientes, porque dessas o inferno está cheio. As boas intenções hão de aprimorar a prática, para que tudo fique de acordo.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Se acontecer de tudo estar bem para a maioria das pessoas, cuide para não ser você a nota dissonante que estrague a festa alheia. Pelo contrário, se permita viver com alegria a celebração alheia. Isso é nutritivo.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Faça o que estiver ao seu alcance e evite se atormentar com a sensação de que deveria fazer muito mais. Essa obrigação abstrata e rigorosa pode até flutuar nos seus pensamentos, mas não a use de orientação.

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

Apesar de todos os pesares, que não são poucos, siga em frente com suas melhores intenções, porque, mesmo que os resultados não consigam atingir mínima proporção dos seus interesses, ainda assim haverá satisfação.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE