Luto no funk

MC Raposão, autor de "Estrada da posse", morre aos 45 anos

O cantor de 45 anos estava internado em um hospital de Vitória, no Espírito Santo. Amigos e familiares chegaram a fazer uma vaquinha virtual para que ele seguisse tratamento

Jonatas Martins*
postado em 05/08/2021 18:23
 (crédito: Instagram/Reprodução)
(crédito: Instagram/Reprodução)

Alexssandro da Fonseca, conhecido como MC Raposão, morreu na última quarta-feira (4/8). O cantor, de 45 anos, foi autor de "Estrada da Posse", música de grande sucesso na década de 1990. Segundo o jornal Extra, o músico estava internado em Vitória, no Espírito Santo.

Ele estava na cidade para visitar familiares e foi hospitalizado no dia 18 de julho, após sentir dores e passar mal. O artista descobriu um quadro avançado de câncer no pâncreas. Amigos e familiares chegaram a fazer uma vaquinha virtual para que ele seguisse o tratamento no Rio de Janeiro, onde vivia.

Desde de 1990, MC Raposão era parceiro do MC Coiote. Os dois se conheceram na infância e eram considerados como uma das duplas de maior sucesso do funk brasileiro.

A notícia gerou repercussão entre os funkeiros. Em uma postagem, MC Marcinho afirmou: “Hoje o funk está de luto, perdemos um ícone do funk, amigo, gente boa demais, meus sentimentos a toda a família, amigos, e fãs, descanse em paz meu amigo”.

A produtora Furacão 2000, responsável pelos principais hits do gênero nas décadas de 1990 e 2000, também homenageou o cantor: “Obrigado por nos presentear com o seu talento e sua dedicação ao nosso movimento funk. O seu legado continuará vivo em nossos corações e em nossos lindos registros televisivos”, comentou.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE