NOEC

Bolsonaro elogia Tereza Cristina e diz que agronegócio vem batendo recordes

O presidente disse, ainda, que, o governo enfrentou a questão da pandemia no setor com a contribuição de Tereza Cristina

Ingrid Soares
postado em 18/08/2020 13:43 / atualizado em 18/08/2020 14:54
 (foto: Carolina Antunes/PR)
(foto: Carolina Antunes/PR)
O presidente da República, Jair Bolsonaro, desembarcou nesta terça-feira (18/8) no Mato Grosso do Sul, onde participou da solenidade de inauguração da estação radar de Corumbá da Força Aérea Brasileira (FAB), que auxiliará no controle de tráfego aéreo na região fronteiriça entre o Brasil e a Bolívia.
Durante o discurso, o chefe do Executivo elogiou a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, parabenizou-a pelo trabalho que vem realizando na pasta e chamou a ministra sul-mato-grossense de “orgulho do agronegócio” no Brasil.
"Parabéns pelo trabalho maravilhoso que você faz à frente do Ministério da Agricultura, inclusive, abrindo fronteiras para além da América do Sul, obviamente”, disse. O mandatário emendou que a ministra realiza “um trabalho de base muito bem feito” antes das viagens presidenciais ao exterior para a assinatura de acordos.

Bolsonaro afirmou ainda que o agronegócio do país vem batendo recordes. “O nosso agronegócio vem batendo recordes, cada vez exporta mais. Os portos do Brasil, também, ao longo dos últimos cinco meses têm batido recordes mês após mês de exportação daquilo que produzimos no campo. O agronegócio é a locomotiva da nossa economia. Podemos viver sem muita coisa, mas ninguém vive sem comida", apontou.

O presidente completou que o setor alimenta mais de R$ 1 bilhão de pessoas no mundo e que os trabalhadores rurais não pararam de trabalhar por conta da pandemia de covid-19 para abastecimento da população. “O nosso governo enfrentou essa questão da pandemia tendo uma das baluartes a nossa ministra do Mato Grosso do Sul. O homem do campo não parou de trabalhar, não teve lock down e o índice de morte foi o mais baixo levando em conta os demais setores”, concluiu.

Viagens

Bolsonaro realizou a ativação da estação radar de Corumbá e participou de uma simulação de interceptação de aeronave. A expectativa é de que o presidente visite no final da tarde o 9º Grupo Major Cantuária (GAC) em Nioaque, onde serviu como tenente e pouse em Brasília por volta das 20h.

Após ter se recuperado do novo coronavírus, Bolsonaro intensificou a agenda de viagens pelo país. Ainda nesta semana, deve ir ao Rio Grande do Norte. Arrebatado pela alta da popularidade mostrada em pesquisas recentes motivada pelo auxílio emergencial, Bolsonaro tem procurado aproximação com o eleitorado.

Nessa segunda-feira (17/8), ele esteve em Aracaju. Nas semanas anteriores, passou por Piauí, Bahia, São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Pará.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação