Compra

BTG Pactual faz acordo para comprar fatia da Caixa no Banco Pan

Contrato vai custar R$ 3,7 bilhões ao BTG, que se tornará o único controlador do Pan. Banco Central e Cade devem analisar o acordo

João Vitor Tavarez*
postado em 06/04/2021 14:16 / atualizado em 06/04/2021 14:16
 (crédito: Marcelo Chelo/CJPress/Estadão Conteúdo)
(crédito: Marcelo Chelo/CJPress/Estadão Conteúdo)

O BTG Pactual anunciou, nesta terça-feira (6/4), acordo da compra de 100% da participação remanescente da Caixa Econômica Federal no Banco Pan. A fatia equivale a 26,8% do capital social da CaixaPar no Pan. O BTG pagará R$ 3,7 bilhões à estatal pela negociação. No entanto, a transação aguarda aprovação do Banco Central e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Com isso, o BTG se transforma no único controlador do Pan, e pretende utilizá-lo com complemento de sua estratégia digital. As mais de 3 milhões de ações ordinárias adquiridas pela Pactual custam, cada uma, R$ 11,42.

A Caixa chegou a anunciar a venda das ações na Bolsa. No entanto, havia um processo de planejamento e desenvolvimento do anúncio. No dia 31 de março, o BTG Pactual enviou pedido de acordo para obter a totalidade das ações. Ao todo, as etapas de desivenstimento no Pan geravam um lucro de R$ 2,024 bilhões à CEF.

*Estagiário sob a supervisão de Andreia Castro

B
TG Pactual faz acordo para comprar fatia da Caixa no Banco Pan


O contrato vai custar R$3,7 bi ao BTG, que se tornar o único controlador do Pan. BC e Cade devem analisar o acordo.


João Vitor Tavarez*


Nesta terça-feira (06/04), o BTG Pactual anunciou um acordo da compra de 100% da participação remanescente da Caixa Econômica Federal no Banco Pan. A fatia equivale a 26,8% do capital social da Caixa Par no Pan. O BTG pagará R$3,7 bilhões à estatal pela negociação. No entanto, a transação aguarda aprovação do Banco Central e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).


Com isso, o BTG se transforma no único controlador da Pan, e  pretende utilizá-lo com complemento de sua estratégia digital. As mais de 3 milhões de ações ordinárias adquiridas pela Pactual custam, cada uma, R$11,42.


A Caixa chegou a anunciar a venda das ações na Bolsa. No entanto, havia um processo de planejamento e desenvolvimento do anúncio. No dia 31 de março, o BTG Pactual enviou pedido de acordo para obter a totalidade das ações. Ao todo, as etapas de desivenstimento no Pan geravam um lucro de R$2,024 bilhões para a CEF.


* Estagiário sob supervisão de 

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE