Ministério da Economia

Ministério da Economia desbloqueia R$ 3,1 bi de ministérios e autarquias

Apesar do descongelamento de mais de 10 autarquias, as universidades seguem com orçamento boqueado

Yasmin Ibrahim*
postado em 09/06/2021 10:04
 (crédito: Correio)
(crédito: Correio)

O Ministério da Economia (ME), por meio do Portaria nº 6.518, desbloqueou R$ 3,1 bilhões dos orçamentos de ministérios e autarquias federais. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira (8/6).

O orçamento, que estava bloqueado desde 22 de abril deste ano, foi revogado devido ao o Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas do 2º Bimestre, publicado em 29 de maio. Apesar do bloqueio de abril congelar os gastos com as universidades federais, o novo decreto do ME descongela apenas os gastos de ministérios, agências nacionais, Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e Agência-Geral da União (AGU)

Confira a lista completa:

  • Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - R$ 179.951.655

  • Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações - R$ 255.360.133

  • Ministério da Economia - R$ 830.489.201

  • Ministério da Educação - R$ 1.557.721.776

  • Ministério da Justiça e Segurança Pública - R$ 133.157.428

  • Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) - R$ 3.242.863

  • Ministério de Minas e Energia - R$ 64.093.111

  • Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) - R$ 13.071.607

  • Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) - R$ 12.541.022

  • Ministério das Relações Exteriores - R$ 143.215.478

  • Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) - R$ 15.930.261

  • Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) - R$ 9.836.087

  • Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) - R$ 26.296.336

  • Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) - R$ 3.350.693

  • Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) - R$ 10.659.023

  • Ministério das Comunicações - R$ 127.659.648

  • Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) - R$ 17.696.638

  • Ministério da Defesa - R$ 928.910.518

  • Ministério do Desenvolvimento Regional - R$ 545.084.718

  • Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) - R$ 17.655.204

  • Ministério do Turismo - R$ 52.042.501

  • Agência Nacional do Cinema (Ancine) - R$ 3.937.250

  • Ministério da Cidadania - R$ 204.702.463

 

*Estagiária sob a supervisão de Vinicius Nader

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

CONTINUE LENDO SOBRE