Saúde

Gasto com saúde aumenta 0,76% em maio no IPCA, segundo o IBGE

Os produtos farmacêuticos tiveram uma alta de 1,47%, aumentando a inflação do mês em 0,05%

Agência Estado
postado em 09/06/2021 12:31
 (crédito: Arquivo/Elza Fiúza/Agência Brasil)
(crédito: Arquivo/Elza Fiúza/Agência Brasil)
As famílias gastaram 0,76% a mais com Saúde e cuidados pessoais em maio, o equivalente a um impacto de 0,10 ponto porcentual na inflação de 0,83% medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no mês, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
A alta foi influenciada pelos produtos farmacêuticos (1,47%), que deram uma contribuição de 0,05 ponto porcentual para a inflação do mês, embora tenham subido menos do que em abril (2,69%).
O governo autorizou a partir do dia 1º de abril o reajuste de até 10,08% no preço dos medicamentos, a depender da classe terapêutica e do perfil de concorrência da substância, lembra o IBGE.
Também houve pressão sobre a inflação dos aumentos no plano de saúde, com alta de 0,67% e impacto de 0,03 ponto porcentual, e nos itens de higiene pessoal, com avanço de 0,63% e contribuição de 0,02 ponto porcentual.
 

CONTINUE LENDO SOBRE