Bolsa de Valores

Bolsas da Europa fecham em alta, com dado da Alemanha e decisão do BoE em foco

Na agenda de indicadores, o índice Ifo de sentimento das empresas da Alemanha avançou a 101,8 em junho, na máxima em mais de dois anos, em meio à reabertura da maior economia do continente.

Agência Estado
postado em 24/06/2021 13:41
 (crédito: Ben STANSALL / AFP)
(crédito: Ben STANSALL / AFP)
Os mercados acionários da Europa fecharam com ganhos, nesta quinta-feira, 24. Os índices foram apoiados por alguns indicadores positivos, como o da confiança do empresariado na Alemanha, e também pela decisão do Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), que manteve a política monetária relaxada.
O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,87%, em 457,04 pontos.
Na agenda de indicadores, o índice Ifo de sentimento das empresas da Alemanha avançou a 101,8 em junho, na máxima em mais de dois anos, em meio à reabertura da maior economia do continente. A High Frequency Economics aponta que o dado sustenta a expectativa de uma retomada continuada da indústria alemã e o Morgan Stanley destaca o "forte otimismo" das empresas.
Na política monetária, o BoE manteve sua política monetária nesta quinta-feira. Houve um voto dissidente, defendendo a redução nas compras de bônus, mas de um dirigente que está deixando o banco central. Após a decisão, a Bolsa de Londres atingiu máximas no dia. O índice FTSE 100 londrino fechou em alta de 0,51%, em 7.109,97 pontos.
Em Frankfurt, o índice DAX subiu 0,86%, para 15.589,23 pontos. Na Bolsa de Paris, o índice CAC 40 avançou 1,22%, a 6.631,15 pontos.
Na Bolsa de Milão, o índice FTSE MIB fechou em alta de 1,38%, em 25.422,22 pontos.
Em Madri, o índice IBEX 35 subiu 1,34%, a 9.074,10 pontos.
Na Bolsa de Lisboa, o índice PSI 20 avançou 0,76%, a 5.077,57 pontos.
 

CONTINUE LENDO SOBRE